Sampaoli comemora vaga na Copa e destaca: "Futebol deve um Mundial a Messi"

Técnico argentino festejou a vitória da Argentina de 3 a 1 sobre o Equador, onde resultou na classificação para o Mundial da Rússia

Sampaoli comemora vaga na Copa e destaca: "Futebol deve um Mundial a Messi"
(Foto: Divulgação/Argentina)

A Argentina venceu o Equador de virada na última rodada das eliminatórias e carimbou seu passaporte para a Copa do Mundo. Mesmo sofrendo um gol logo no primeiro minuto de jogo, os argentinos contaram com a genialidade de Messi que marcou três vezes e garantiu a virada dos hermanos para 3 a 1, garantindo a seleção na Copa do Mundo. Após a partida o técnico Sampaoli comemorou muito a classificação e exaltou Messi que terá mais uma chance de conquistar um Mundial.

Na entrevista do técnico após a partida, Sampaoli falou sobre o jogo e destacou a calma da seleção para virar o jogo mesmo sofrendo gol no primeiro minuto. O treinador ainda comentou que mereciam a vitória depois de fazer boas partidas nas últimas rodadas.

“Acho que a partida se complicou no planejamento. E no desenvolvimento ficou mais difícil porque o Equador conseguiu um gol no primeiro minuto. Mas tivemos capacidade para pensar que a partida durava 90 minutos. Estávamos em uma situação muito no limite. Havíamos jogado bem contra a Venezuela e Peru, mas não conseguimos vencer. Na partida de hoje conseguimos a vitória”, disse Sampaoli.

O comandante da Argentina também ressaltou que há coisas que um técnico não se pode planejar, como um gol sofrido logo no início. Porém o treinador voltou a falar que sua equipe soube o que fazer para virar e vencer a partida de forma brilhante. “Há situações provocadas pelos adversários que não estão no planejamento do treinador. Neste campo tão complicado e ainda perdendo, se notou a certeza de uma equipe que sabia como jogar estar partida. E fizemos isso de uma maneira brilhante”, comentou.

Sampaoli também garantiu que a Argentina deu um grande passo para a Copa do Mundo e já pensa na preparação para o Mundial do ano que vem. O técnico garantiu trabalhar intensamente para preparar o grupo da melhor forma possível. “Hoje a Argentina deu um grande passo para a nova Copa do Mundo e espero que com o tempo de preparação que vamos ter, possamos ser competitivos como fomos hoje. A única promessa que eu me faço é que devo trabalhar intensamente para estar à altura de um povo que ama o futebol como este”, afirmou o treinador.

Sobre Messi, Sampaoli fez questão de exaltar o melhor jogador do mundo e afirmou que não é Messi quem deve um mundial para a Argentina, mas sim é o camisa 10 que merece este título tão importante.

“Eu disse ao grupo: Messi não deve um Mundial para a Argentina, mas sim o futebol deve um Mundial a Messi. Devíamos ajudar para que esteja em uma nova Copa do Mundo. Fico muito emocionado por poder estar num grupo com ele”, destacou.

Para finalizar a sua entrevista, Sampaoli completou falando novamente sobre Messi que foi o grande responsável pela vitória e classificação da Argentina para a Copa do Mundo. “Hoje por sorte a nacionalidade do melhor jogador do mundo é argentina. Devemos fazer que não dependa tudo de Messi. Hoje demonstrou sua grande capacidade”, encerrou o técnico.

Com a vitória sobre o Equador, a Argentina somou 28 pontos e se classificou para a Copa do Mundo com a terceira posição nas eliminatórias. A seleção de Sampaoli agora aguarda o sorteio dos grupos para a Copa, mas já sabe que será uma das oito seleções que serão cabeças de chave. O sorteio para a Copa do Mundo da Rússia será no dia 1º de dezembro.

Argentina