Zagueiro Bailly enaltece evolução no United com Mourinho: "Vejo melhorias na parte tática"

Em entrevista ao site oficial do clube, atleta comentou sobre os parceiros de zaga e dos objetivos a alcançar

Zagueiro Bailly enaltece evolução no United com Mourinho: "Vejo melhorias na parte tática"
Foto: David Fitzgerald: Getty Images

A Data Fifa seguirá em alta nos próximos dias. As seleções estão em fase final de disputa de vagas na Copa do Mundo 2018 e outras apenas a cumprir tabela. O zagueiro Eric Bailly, do Manchester United, falou ao site oficial do clube antes de ir defender a Seleção da Costa do Marfim.

A seleção africana lidera o Grupo C das Eliminatórias e pode carimbar seu passaporte para a Rússia na próxima rodada. Bailly, de 23 anos, falou da importância de trabalhar com José Mourinho, comandante red devil. O zagueiro destacou pontos positivos na passagem.

"O aspecto que foi muito importante e onde vejo melhorias, para ser honesto, é a tática, bem como o alto nível de concentração que é necessário. Para um jovem defensor, é muito importante e com ele como treinador s[o penso positivo", afirmou.

Desde que chegou ao United vindo do Villareal, em 2016, Bailly, apesar das lesões, ajudou o time inglês a vencer a Copa da Liga Inglesa e a Uefa Europa League. O marfinense mencionou os novos objetivos para a temporada.

"O sonho de um jogador é sempre ganhar troféus, não é? Embora nem sempre possamos vencer todos, continuamos trabalhando. Estou cheio de sonhos e, graças a Deus por todo o trabalho que faremos, alcançaremos esses objetivos. Ganhar um troféu é muito importante e acho que, com os troféus que ganhamos, é outra motivação para ganhar ainda mais", alertou Bailly.

Bailly falou também da parceira com Phil Jones. Na Premier League, em sete jogos, a equipe sofreu apenas dois gols. Para o africano, o entrosamento tem dado certo mas ressaltou o trabalho dos outros zagueiros do elenco.

"É bom, há um bom relacionamento entre Phil e eu, e com os outros dois defensores, Victor Lindelof e Chris Smalling, mesmo que ainda não tivéssemos oportunidade de jogar juntos. Há quatro zagueiros e todos estão prontos para aproveitar ao máximo as oportunidades que o treinador nos dá."

O zagueiro, junto com a Costa do Marfim, entrarão em campo pelo último desafio das Eliminatórias africanas apenas no dia 5 de novembro, os marfinenses receberão a seleção de Marrocos. Uma vitória colocará a equipe na Copa da Rússia. 

Inglaterra