Santos vence concorrência e acerta com Cicinho
Cicinho é o primeiro reforço do Santos após a saída de Neymar (Foto: Divulgação / AA Ponte Preta)

Nesta quarta-feira (26), o Santos acertou a contratação do lateral-direito Cicinho, revelação da Ponte Preta, para a continuação do Campeonato Brasileiro que está parado para a Copa das Confederações.

O atleta só precisa agora ser aprovado nos exames médicos que deverão ser realizados nesta quinta-feira em Santos para assinar o contrato com o alvinegro praiano.

O grupo inglês Doyen Sports ajudou o Comitê Gestor do Santos na contratação do lateral. O grupo detinha 50% dos direitos do meia Felipe Anderson que foi recentemente negociado com a Lazio da Itália por 7,7 milhões de Euros.

Os valores da negociação com a Ponte Preta não foram divulgados, mas VAVEL apurou que o montante é de aproximadamente R$ 7 milhões. A divisão dos direitos de Cicinho eram de 60% da Ponte Preta, 30% de um grupo de investidores e 10% do próprio jogador.

Desde o final do Campeonato Paulista, Cicinho vinha sendo cobiçado por diversos clubes brasileiros. O São Paulo chegou a oferecer R$ 3 milhões mais quatro jogadores: o zagueiro João Filipe, o meia Dener, o atacante Wallyson e um quarto jogador não divulgado. A Ponte Preta recusou a proposta.

Cicinho tem 25 anos e passou por Remo-PA, Juventude-RS e Brasiliense antes de chegar à Ponte Preta no ano passado. No total foram 75 jogos com a camisa da Macaca marcando seis gols, inclusive um neste Campeonato Brasileiro na vitória contra o Flamengo na segunda rodada.

O Santos já conta com Bruno Peres e Galhardo para a lateral, mas Cicinho também pode ser aproveitado no meio-campo, posição que atuou em alguns jogos da Ponte em 2013, pelo novo treinador santista. O clube ainda procura um substituto para Muricy Ramalho, sendo o argentino Gerardo Martino do Newell's Old Boys o favorito após o fim das negociações com Marcelo Bielsa.

VAVEL Logo