CSA vence o Santa Cruz e assume a liderança isolada da chave

Neste sábado (25), Santa Cruz e CSA se enfrentaram valendo a liderança do grupo B da Copa do Nordeste 2014, no Estádio Luiz Lacerda, também conhecido como Lacerdão, em Caruaru. Após a vitória por 1 a 0, com gol de Josimar, o Azulão chegou à liderança da chave e praticamente sacramentou sua classificação à fase subsequente.

Agora, o CSA é líder do grupo com sete pontos na tabela, três a mais que o Santa Cruz, que tem quatro. Mesmo sendo um time forte, o Azulão surge como a surpresa da competição e agora passa a ser postulante ao título do Nordestão. Na próxima quinta-feira (30), os times voltam a se enfrentar, desta vez em Maceió, pela quarta rodada.

Primeiro tempo equilibrado, com o CSA marcando forte

Com a bola rolando, o CSA, treinado por Oliveira Canindé, se colocou muito bem no gramado e conquistou a sexta vitória na história do confronto. Apesar disto, quem assustou primeiro foi o Santa Cruz, com Léo Gamalho aos oito minutos. Com uma marcação forte e eficiente, o Azulão não deu chances para a Cobra Coral no início do jogo.

Aos 16 minutos, a torcida do Mais Querido pediu pênalti após um suposto toque de mão do zagueiro da equipe alagoana, porém, o juiz não deu lá muita atenção. Com valentia, o CSA impôs muito trabalho ao sistema defensivo do Santa, que chegou novamente aos 25 minutos, em um chute perigoso de Tiago Costa.

A melhor chance da primeira etapa aconteceu aos 37 minutos. Depois de uma bela jogada, Renatinho bateu e obrigou o goleiro Pantera a mandar a bola para esquinado. Depois disto, o primeiro tempo não reservou muitas emoções. Restou para a torcida esperar o segundo tempo para que as coisas melhorassem.

Vitória do Azulão na segunda etapa

Para a segunda metade da partida o Santa trocou de uniforme, mas veio com o mesmo time que disputou o primeiro tempo, a exemplo do CSA. Aos sete minutos da segunda etapa, Léo Gamalho, por muito pouco, não abriu o placar. Depois de receber um cruzamento, o atacante bateu de voleio e a bola, caprichosamente, beijou a trave do goleiro Pantera. 

O adversário Coral respondeu três minutos depois, em um chute bastante perigoso de Mineiro. O paredão Tiago Cardoso salvou o Mais Querido por hora. Após o susto, o Santa partiu em busca do gol que abriria o placar no Lacerdão. Mas foi o CSA quem chegou ao tento inicial e único do jogo. 

Josimar, aos 34 da segunda etapa, cabeceou sem chances para Tiago Cardoso e abriu o placar para o CSA. Foi o terceiro gol do atacante na Copa do Nordeste 2014. Após o gol sofrido, o Santa Cruz ainda buscou o empate, mas não obteve sucesso. 

VAVEL Logo