Grêmio contrata meia-atacante Dudu, do Dinamo Kiev
Dudu é o reforço de peso do Grêmio para a disputa da Libertadores. O meia-atacante chegou a Porto Alegre nesta segunda-feira (10) para assinar com o clube gaúcho. O atleta chegou às 15h30 no aeroporto Salgado Filho e se dirigiu à antiga casa gremista, o Estádio Olímpico, para a assinatura do contrato. Ainda há a possibilidade de algum jogador do Grêmio ser envolvido na negociação. Dono dos direitos econômicos de Dudu, o Dínamo de Kiev tem interesse em Yuri Mamute.
 
– Não está certo ainda. Pode envolver um jogador, mas não está decidido qual. Deve ser decidido nesta tarde – conta o assessor de futebol Marcos Chitolina.
 
O Grêmio luta contra o tempo. A busca é para que Dudu esteja inscrito no BID (Boletim Informativo Diário), da CBF, ainda nesta segunda, para que o jogador possa estar na lista dos 30 atletas que será enviada para a Conmbeol para a disputa da Libertadores 2014.
 
Dudu, de 22 anos, é conhecido de Enderson Moreira, que aprovou a contratação do jogador. O treinador gremista, em sua passagem pelas categorias de base do Cruzeiro, foi um dos comandantes do meia-atacante. 
 
Grande promessa, mas sem sucesso na Europa
 
Surgindo como grande aposta do Cruzeiro em 2010, o jogador foi emprestado ao Coritiba no mesmo ano, mas não teve boa passagem. Com mais algumas chances no Cruzeiro, Dudu, que era cotado como uma grande transferência para os maiores times da Europa, foi para o Dínamo Kiev, da Ucrânia.
 
Pela Seleção Brasileira, Dudu esteve presente na conquista do pentacampeonato sub-20 do Brasil, em 2011, sob o comando de Ney Franco. Disputando todas as partidas como reserva, o atleta marcou contra o Panamá, Arábia Saudita e nas quartas-de-final, contra a Espanha.
 
Na seleção principal, Dudu fez duas aparições em 2011. Foi convocado e participou do segundo tempo das partidas contra Gabão e Egito.
 
Em 2013, polêmica na vida pessoal
 
No dia 30 de janeiro de 2013, em Goiânia, sua cidade natal, Dudu foi preso suspeito de agredir sua esposa mulher e a sua sogra. Todavia, após pagar multa de R$ 12 mil reais, foi liberado para responder em liberdade. O jogador divulgou uma nota oficial dizendo que tudo era uma grande mal-entendido e que o fato já estava sendo esclarecido mediante aos órgãos legais.
VAVEL Logo