Reservas do São Paulo mostram serviço e conseguem vitória diante do Botafogo-SP

O São Paulo já estava classificado para as quartas de final do Campeonato Paulista, e para cumprir tabela foi neste domingo (23) até o Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP), para o jogo contra o Botafogo pela 15ª e última rodada da primeira fase do estadual.

O técnico Muricy Ramalho escalou o seu time reserva que não desapontou, e venceu a equipe de Ribeirão por 2 a 0 com gols de Lucas Evangelista e Ademilson. O Botafogo também entrou em campo com sua equipe reserva, e sofreu sua primeira derrota em casa neste Paulistão.

São Paulo termina essa primeira fase em primeiro lugar do Grupo A com 27 pontos e enfrenta o Penapolense na próxima quarta-feira (26) no Morumbi. O Botafogo passa de fase como primeiro colocado do Grupo B com 28 pontos, o recebe o Ituano também na quarta-feira.
 

São Paulo é superior na partida

Logo no início da primeira etapa a zaga são-paulina sofreu alguns sustos. O zagueiro Lucas Silva fez uma saída errada de jogo e acabou perdendo a bola para o atacante Vitor, que por sorte do São Paulo, acabou mandando a bola por cima do gol de Denis.

O São Paulo arriscou mais e teve mais chances claras de gol do que o time da casa, que sofreu com as falhas de sua zaga. Pelo excesso de calor em Ribeirão Preto, o árbitro Rodrigo Guarizo autorizou um parada técnica aos 30 minutos, o que deu uma esfriada no confronto. O gol acabou saindo apenas aos 40 minutos, quando Ademilson cruzou da esquerda para a área, e Lucas Evangelista cabeceou para o gol, sem chances para o goleiro Renan. 1 a 0 São Paulo.
 

Ademilson marca e define o jogo

O Botafogo realizou duas alterações no retorno do intervalo para tentar virar o jogo e manter a invencibilidade em casa no Paulistão, Camilo entrou no lugar de Rafael Caldeira e Léo saiu para a entrada de Felipe. Mesmo assim, a equipe botafoguense não conseguiu reação. E aos 17 minutos, Ademilson aproveita rebote do goleiro Renan, fez bela jogada entre os zagueiros e marcou um golaço para definir a partida no estádio Santa Cruz. São Paulo 2 a 0.

Para testar outras opções, o técnico Muricy Ramalho aproveitou a vantagem e colocou Cañete no lugar de Luis Ricardo e Boschilia no lugar de Ewandro. Aos 27 minutos, em belo lance de ataque, Boschilia faz cruzamento para Ademilson que mandou de primeira para o gol. Mas a arbitragem marcou impedimento do atacante e o gol foi anulado.
 

Homenagens

A partida deste domingo contou com a presença de Raí, ídolo Tricolor da década de 90. O ex-camisa 10 são-paulino é natural de Ribeirão Preto e começou sua carreira de jogador no Botafogo. Raí deu um pontapé inicial simbólico para iniciar jogo no estádio Santa Cruz.

Outro homenageado foi o campeão do mundo Bellini, capitão da Seleção Brasileira na conquista da Copa do Mundo de 1958, na Suécia, que faleceu na última quinta-feira. Os jogadores fizeram um minuto de silêncio em respeito ao ex jogador, e a equipe do São Paulo atuou com uma braçadeira da cor preta em sinal de luto.

ZO
 

VAVEL Logo