Presidente do São Paulo admite: "Gostaria muito de trazer o Lugano"

Após pedidos de Muricy Ramalho e da torcida, o presidente do São Paulo, Carlos Miguel Aidar deverá tentar a contratação do zagueiro uruguaio Diego Lugano. Na noite deste domingo (25), o mandatário deu uma entrevista ao programa esportivo, “Mesa Redonda”, da TV Gazeta, e admitiu que pode ir atrás do defensor, ídolo da torcida são paulia.

“A torcida está pedindo, e eu gostaria de ter o Lugano também. Acho que temos chances, a partir da sinalização do Muricy. Vamos estudar também o aspecto financeiro. O São Paulo tem ídolos recentes ainda jogando e, se for possível, óbvio que vamos trazer”, afirmou o presidente ao programa.

Além de Aidar, o comandante Muricy também manifestou o interesse em contar com o atleta. Após a vitória contra o Grêmio de Porto Alegre, por 1 a 0, o treinador elogiou o uruguaio. "Eu tive a felicidade de trabalhar com o Lugano, nível internacional, está na Copa do Mundo, e além disso tem um grande caráter. É meu amigo, amigo de todos. Não sei, vamos ver. Quem sabe? Quem sabe a gente tenha a felicidade de trazer? A gente sabe que é um pouco difícil, tem outros clubes na briga. Mas não custa nada a gente tentar. Vamos olhar com carinho. Vamos ver depois da Copa do Mundo”, afirmou.

Caso não venha para o São Paulo, o provável destino de Lugano poderá ser  a Alemanha. Clubes da China e Oriente médio também sondaram o atleta, mas os locais não o agradam muito. Apesar do tricolor ter concorrentes na negociação, nenhum deles deverá brasileiro -- já que o uruguaio afirmou que não virá para nenhum rival tricolor.

Lugano virá a Copa do Mundo, sem contrato com nenhum clube, já que rescindiu com o West Brom-ING. Com 33 anos de idade o zagueiro defendou as cores tricolor entre 2003 e 2006. Em sua primeira passagem pelo clube, o zagueiro conquistou de cara a Copa Libertadores e o Mundial de Clubes de 2005, criando assim um enorme vinculo com a torcida -- que, no último fim de semana, ovacionou o nome do zagueiro no Morumbi, cantando e exibindo faixas pedindo a sua volta.

O setor defensivo é sem duvida o que mais preocupa Muricy. Apesar de ter Antonio Carlos, Paulo Miranda, Edson Silva, Lucão e Rodrigo Caio para o setor, o treinador pede mais reforços. O último citado vem defendendo a seleção Brasileira no Torneio de Toulon, na França. Já Lucão tem sua permanência incerta no clube.

Aidar ainda afirmou que deverá vim outros dois ou três reforços. "Torcedor também gostaria de ter uma seleção brasileira, mas nem tudo o que você quer você consegue, nem todos estão disponíveis. O São P aulo, por incrível que pareça, ainda está ajustando o time. Esperava encontrar um São Paulo mais maduro, mais pronto. Está melhorando, teremos o Alan Kardec que certamente vai ajudar muito", complementou o presidente.

Além do zagueiro uruguaio, os nomes dos volantes Wesley e do argentino Esteban Cambiasso vem sendo especulado pela cupula tricolor.

VAVEL Logo