Com novidades na escalação, Brasil recebe o Panamá, em Goiânia

Faltando poucos dias para o início da Copa do Mundo 2014, a Seleção Brasileira realizará mais um teste. Nesta terça-feira (3), às 16h, o Brasil recebe a seleção do Panamá, em Goiânia, em mais um amistoso de preparação para a Copa, e terá duas novidades na escalação: Dante e Ramires entram nos lugares de Thiago Silva e Paulinho, ambos lesionados.

O Brasil ainda fará mais um amistoso antes da estreia na Copa. Na próxima sexta-feira (6), às 16h, a seleção enfrenta a Sérvia, no Morumbi. O Panamá vem de um empate em 1 a 1, contra a Sérvia, no último sábado (31), em partida amistosa.

Felipão confirma Dante e Ramires como titulares

Com as ausências de Thiago Silva e Paulinho, o técnico Luiz Felipe Scolari confirmou nesta segunda-feira (2) que Dante e Ramires serão titulares no amistoso contra o Panamá.

Ramires ganhou a disputa com Hernanes, e foi bastante elogiado por Scolari. "Eu gosto do Ramires também numa outra posição, de lado de campo, porque ele compõe o quarto homem pelo lado direito muito bem. Para amanhã, é essa colocação do Ramires. Para outros jogos, quem sabe para o futuro, vamos ver o que queremos. Eles disputam posições, são grandes amigos, é espetacular ver essa disputa. Mas quem decide sou eu, de acordo com meus princípios, com minha ideias.", disse Felipão.

Felipão disse que vai exigir dedicação e seriedade dos atletas na partida contra o Panamá, no Serra Dourada. "Não tem isso de tirar o pé, de botar o pé. Tem que jogar com seriedade, com a mesma seriedade que sempre exigi das equipes que dirigi. Tem que jogar esse jogo como se fosse o último. Chegaram a dizer que eu pedi a jogador de time tal para tirar o pé, e isso me causa espanto, eu acho engraçada essa conotação. Porque não é minha forma de trabalhar.", disse o treinador.

"Este jogo com o Panamá vai mostrar se estamos prontos para o próximo, contra a Sérvia. Vai servir para ver se estamos prontos ou se ainda faltam muitos ajustes. No jogo do dia 6, contra a Sérvia, vamos ter que mostrar mais regularidade do que contra o Panamá.", completou.

Felipão no treinamento desta segunda-feira (2) (Foto: Mowa Press)

Scolari criticou o tempo de preparação para a Copa, e disse que ficaram alguns treinos que ele não irá conseguir fazer.

"Para esta Copa, nós tivemos 16 dias. Na Copa do Japão e da Coreia, eu tive 21 dias. Cinco dias fazem diferença. Programamos três ciclos de trabalho bem feitos. Fizemos uma programação, jogamos na Catalunha. Fomos para a Malásia, fizemos um jogo amistoso. Agora ficaram alguns treinos que não vou conseguir fazer. Não vou conseguir acelerar. Queria mais uma semana. Se fosse hoje o dia 12, com a condição que eu espero que eles estejam no dia 12, eu queria começar. Está na hora de começar essa confusão. Está na hora de começar e pronto. Ou vai ou racha e acabou. É o que estou vivendo nesse momento. Quem dera se tivéssemos 21 dias pelo menos. Algumas seleções tiveram até mais. Seguimos o que foi exigido pela Fifa.", ressaltou Felipão.

VAVEL Logo