Mário Bittencourt rebate dirigente do Vasco: "Mentira repetida mil vezes que vira verdade"
Mário Bittencourt rebate dirigente do Vasco: "Mentira repetida mil vezes que vira verdade"

A declaração do vice-presidente de futebol do Vasco, José Luis Moreira, não foi bem recebida em Laranjeiras. Segundo mandatário, o Fluminense 'devia' ao Vasco pela ajuda recebida na Copa João Havelange de 1999, onde supostamente teria ajudado o Tricolor a subir da Série C à A. Nesta quarta (04), Mário Bittencourt concedeu coletiva desmistificando o caso. 

"É a perigosa questão sobre uma "mentira repetida mil vezes que vira verdade". Obviamente que o Fluminense não deve nada ao Vasco. As pessoas sabem os motivos pelos quais teve a Copa Havelange. Em 1996 também não teve. Com relação a isso, lamentamos a entrevista dele, lamentamos a repetição dessa mentira, e nós aproveitamos agora essa oportunidade aqui para poder deixar muito claro que o Fluminense jamais teve qualquer tipo de ajuda."

A polêmica começou quando José Luis Moreira concedeu entrevista ao jornal 'O Globo' alegando que o Fluminense poderia fazer 'corpo mole' para prejudicar o rival vascaíno e retirou a velha lenda urbana futebolística do baú.

"Espero que o Fluminense se lembre que já passou por isso. E que nós os ajudamos a sair da Segunda Divisão. Eu vou ficar de olho, porque é um direito meu e um dever enquanto dirigente. É claro que isso tudo que aconteceu fora de campo pode influenciar, aumentar a rivalidade. Eu espero que não aconteça, porque os clubes são profissionais. Mas está no ar – afirmou o dirigente cruz-maltino"

Mário Bittencourt tratou de colocar um ponto final nas histórias. De acordo com o vice-presidente de futebol do Fluminense, a meta é ganhar todos os jogos que ainda restam para sonhar com a vaga direita nas oitavas da Copa do Brasil. 

"O Fluminense vai entrar em campo para vencer os jogos, e quem ficar ou cair na Primeira Divisão, vai ter ficado ou caído por seus méritos ou deméritos. Ainda visualizamos, quem sabe com cinco vitórias, possamos até atingir uma vaga direta nas oitavas de final da Copa do Brasil. Acho que não tem que haver nenhum tipo de registro nesse sentido, e o Fluminense entra em campo sempre para vencer".

VAVEL Logo