Grêmio volta a ter adversário argentino na Libertadores e encara Godoy Cruz pela primeira vez
Grêmio em enfrentamento contra o San Lorenzo na Libertadores (Foto: Lucas Uebel | Grêmio FBPA)

O Grêmio está com confronto definido para disputar as oitavas de final da Copa Libertadores da América. O Tricolor gaúcho está no caminho do Godoy Cruz, da Argentina. O sorteio ocorreu nesta quarta-feira (14), em Luque, cidade da região metropolitana de Assunção no Paraguai. Bicampeão do torneio e na sua 17ª participação na história, mas sem passar das oitavas desde 2009, o Grêmio vai precisar mostrar novamente sua superioridade sobre o adversário para sair classificado e seguir seu sonho sul-americano.

Como o Grêmio chegou?

Na fase de grupos, o Tricolor liderou o Grupo 8 da Copa Libertadores e passou com certa tranquilidade. Desde o sorteio inicial da competição realizado em dezembro, os adversários não demonstravam uma tradição que se comparasse ao Grêmio. Guaraní do Paraguai, Deportes Iquique do Chile e Zamora da Venezuela foram os adversários.

O Grêmio somou quatro vitórias, um empate atuando com o time reserva e teve apenas uma derrota. A destacar que a perda ocorreu com erro de arbitragem na partida diante do Iquique no Chile. As vitórias vieram sobre o Zamora na estreia, com placar de 2 a 0 na Venezuela. Na segunda rodada, 3 a 2 sobre o Iquique, em jogo que poderia ter sido mais tranquilo. Na terceira rodada, o empate em 1 a 1 no Paraguai com a preservação de titulares na ocasião.

No returno do grupo, vitória tranquila sobre o Guaraní por 4 a 1, em triplete marcado pelo atacante Lucas Barrios. A única derrota veio na quinta rodada e o encerramento para garantir a primeira posição veio com uma goleada de plenas sobras do Tricolor na partida. 4 a 0 sobre o Zamora e cabiam mais dois ou três gols no jogo. Grêmio fez 13 pontos, o Guaraní se classificou com 11 e o Iquique deu adeus à Copa Libertadores com 9 pontos. Zamora foi o pior time da competição e terminou zerado.

Quem vai enfrentar?

Foto: Divulgação / AFP Photo

O Godoy Cruz foi o melhor segundo colocado na fase de grupos. Esteve presente na chave do Atlético Mineiro, que realizou a melhor campanha geral dessa fase. Apostando corrida pela primeira posição, o Godoy Cruz foi confirmado em segundo somente na última rodada. Somou 11 pontos, mesma pontuação do segundo do grupo do Grêmio, o Guaraní.

Os argentinos seguraram o Galo no jogo em casa em empate por 1 a 1 e perderam em Minas Gerais. Foi a primeira vez que o Godoy Cruz passou rumo às oitavas de final da Copa Libertadores, feito muito comemorado por seus torcedores e pelo grupo de argentinos. Em 2017, até o momento, o Godoy Cruz realizou 34 jogos, com 15 vitórias, 6 empates e 13 derrotas. Ocupa somente a 15ª colocação do Campeonato Argentino.

Histórico entre Grêmio e Godoy Cruz

O Tricolor gaúcho jamais enfrentou os cisplatinos do Godoy Cruz na história. Serão os dois primeiros enfrentamentos entre os clubes. O primeiro a ocorrer na cidade de Mendoza na Argentina e o jogo da volta em Porto Alegre, na Arena do Grêmio. Contra argentinos, o equilíbrio do Grêmio era máximo na história da Libertadores, mas as derrotas para o Rosario Central nas oitavas de 2016 fizeram os do país vizinho passarem à frente.

No histórico, foram 16 jogos. São quatro vitórias dos gremistas, seis dos argentinos e seis empates na Copa Libertadores da América.

O que esperar do confronto?

Divulgação | Grêmio FBPA             

O Grêmio postulava-se com um dos melhores jogos da Copa Libertadores, mesmo a levar em consideração seus adversários mais frágeis. Entretanto, o futebol do Tricolor seguiu vistoso no começo do Campeonato Brasileiro e o colocou como um dos primeiros colocados no torneio nacional, passadas as primeiras rodadas.

Com isso, diante do Godoy Cruz, o Grêmio entra como favorito ao confronto, porém precisa confirmar dentro de campo. A fase do time do técnico Renato Gaúcho é positiva e, se manter a boa entrada dos titulares e dos suplentes, pode confirmar seu avanço na competição. Vale lembrar pelo histórico recente que o Grêmio não tem passado da fase de oitavas de final. Desde 2009 isso não ocorre. Foi eliminado nela em 2011, 2013, 2014 e 2016. Se quiser conquistar a carinhosamente chamada de "orelhuda", está na hora de passar essa fase da competição.

VAVEL Logo