Atlético-PR quebra sequência ruim e empurra Santos para zona de rebaixamento

Em duelo das equipes pressionadas, o Atlético PR levou a melhor e venceu por 2 a 0 e deixou a zona de rebaixamento

Atlético-PR quebra sequência ruim e empurra Santos para zona de rebaixamento
Foto: Miguel Locatelli/Atlético-PR
Atlético-PR
2 0
Santos

O Atlético-PR recebeu o Santos, na noite desta quinta-feira (31), na Arena da Baixada, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro Série A. As duas equipes fizeram um confronto direto na tabela para escapar da zona de rebaixamento, e com uma certa facilidade, deu Furacão. Com gols de Thiago Heleno e Guilherme o Rubro-Negro venceu por 2 a 0 e saiu da zona de rebaixamento, e empurrou o Peixe para lá.

O jogo começou com atraso dos jogadores do Santos, que só entraram em campo, quando o hino nacional já estava tocando. Já após o apito inicial, o Peixe começou a partida se defendendo bem, levando alguma perigo nos contra-ataques, sando sinais de que a partida seria diferente das outras, mas ficou só na ilusão mesmo. 

O Atlético-PR começou a dominar a partida à partir dos 17 minutos. Thiago Carleto cobrou escanteio, Camacho tirou Lucas Verissimo do lance e Thiago Heleno, sozinho, cabeceou, sem chances de defesa para o goleiro Vanderlei. 

A partir daí o Peixe mostrou os mesmos problemas dos jogos anteriores, um time desorganizado, uma defesa mal posicionada e um buraco entre o meio campo e o ataque. O Furacão seguiu pressionando em busca do segundo gol e quase conseguiu, mas a bola de Nikão acabou acertando o travessão. 

Na volta do intervalo, o Furacão voltou melhor para o jogo e logo aos oito minutos conseguiu ampliar o placar. Vanderlei falhou na cobrança de falta de Thiago Carleto e Guilherme aproveitou o rebote para fazer 2 a 0.

No desespero, o time comandado por Jair Ventura, apostou nos chutes de fora da área e em jogadas trabalhadas e acabou dando espaços. O Atlético criaram várias chances e poderiam ter aumentado a vantagem. No decorrer do jogo, Jair Ventura sacou Renato para a entrada de Bruno Henrique, mas nem essa alteração fez o time melhorar. 

Já nos minutos finais de jogo, Vanderlei fez três grandes defesas, evitando que a derrota do time visitante fosse ainda maior. 

Com nove pontos, o Atlético-PR aliviou a pressão sobre o técnico Fernando Diniz, e subiu para o 13º lugar. O resultado, porém, acabou aumentando ainda mais a crise no rival. O Santos chegou ao quinto jogo sem vencer e terminou a rodada na 18° posição, com apenas seis pontos conquistados, ainda que com um jogo a menos.

As duas equipes voltam à campo no próximo domingo (3). O Atlético-PR visita o América-MG, no estádio Independência, às 16h, em jogo válido pela nona rodada do Brasileirão. Já o Santos, pressionado, recebe o Vitória, no mesmo dia e horário, na Vila Belmiro.