Zé Ricardo celebra classificação e valoriza vitória: "Uma das equipes que mais me deu trabalho"
Foto: Botafogo | Divulgação

Zé Ricardo celebra classificação e valoriza vitória: "Uma das equipes que mais me deu trabalho"

Treinador alvinegro comentou sobre a vitória que marcou o fim da invencibilidade do Defensa y Justicia como mandante, que durou quase um ano

lucasoliveira
Lucas Oliveira

O Botafogo foi a campo nesta quarta-feira contra o Defensa Y Justicia, na Argentina, pelo segundo jogo da primeira rodada da Sul-Americana. A equipe alvinegra despachou o segundo colocado do campeonato argentino, que estava invicto há mais de dez meses e somava 16 jogos sem derrota como mandante.

Além disso, foi a primeira vitória do Botafogo na terra dos hermanos em jogos oficiais. Depois da partida, o treinador Zé Ricardo festejou a atuação do time e elogiou o adversário. 

"Foi uma partida difícil, enfrentamos uma grande equipe, muito bem coordenada em campo. Foi uma das que mais me deu trabalho nos últimos tempos Com jogadores hábeis, com bom manejo da bola. Não à toa disputa a liderança com o Racing. Nos envolveu no primeiro tempo, muito mais mérito do Defensa, principalmente pelo nosso lado direito. Acabou confundindo a marcação, com Erik e Luiz Fernando", disse Zé.

Mesmo sofrendo muita pressão do Defensa y Justicia na primeira etapa, o técnico valorizou a força que o Botafogo teve para manter a vantagem no placar somado.

"Sofremos muito no primeiro tempo. Até digo que por sorte não saímos derrotados no intervalo. No segundo tempo, acertamos posicionamento, paramos de sofrer no lado direito da defesa, o que nos deu mais conforto com a bola. A gente não conseguia ficar com bola", completou o treinador.

O comandante alvinegro comentou sobre a estratégia bem sucedida da equipe na partida e a inversão de Erik com Rodrigo Pimpão. Após a mudança, o Botafogo se fechou bem na defesa e aproveitou a velocidade nos laterais para armar os contra-ataque, que mataram o confronto.

"Nós sabemos que a equipe adversária é forte com a bola. Fizemos uma estratégia com um bloco mais baixo, pressionaram no nosso campo, para ganharmos espaço no costado da defesa. Defensa é muito bem trabalhada, muito bem ordenada. No segundo tempo, conseguimos equilibrar um pouco a bola. O primeiro gol colocou a equipe do Defensa no ataque, naturalmente os espaços apareceram. Trabalhamos bem nessa estratégia".

"A gente entendeu que Erik não conseguia fechar espaço entre lateral. Bola tava entrando do zagueiro direto. Como os dois zagueiros são canhotos, a gente entendia que as duas saídas de bola tinha que ser por ali. Pimpão, com taxa de entrega muito grande no campo defensivo, a gente entendeu que a mudança poderia dar muito resultado. Dois jogadores rápidos definiram o placar", completou Zé Ricardo.

Por fim, o treinador falou sobre o momento do clube, após vencer a quarta seguida sem sofrer gols, Zé Ricardo pregou que é apenas o início do trabalho e que ainda está abaixo da expectativa.

"Estamos começando uma temporada, temos 40 dias juntos. Foi nosso oitavo jogo apenas. Tínhamos muitos jogadores machucados. Nosso capitão, Joel Carli, é um dos exemplos. Leo Valencia voltou nesse partida, muitos jogadores jovens. Estamos ainda num estágio abaixo da nossa expectativa. Defensa está num grau de manejo de bola acima que o nosso".

A delegação do Botafogo desembarca no Rio na noite desta quinta-feira. A equipe volta a campo no próximo sábado (23) diante do Vasco, no Nilton Santos, às 19h30, pela primeira rodada da Taça Rio.

MEDIA: 5VOTES: 1
VAVEL Logo