Léo considera ‘irrelevantes’ possíveis problemas que estariam afetando rendimento do Cruzeiro
Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Léo considera ‘irrelevantes’ possíveis problemas que estariam afetando rendimento do Cruzeiro

No clube há quase 10 anos, ele acredita que a melhor forma do clube sair da terrível situação é com a união e empenho de todos que compõem a instituição 

paulo-alfaro
Paulo Alfaro

O zagueiro Léo deu coletiva, na segunda-feira (11), na Toca Da Raposa II. Um dos símbolos da equipe celeste por sua longevidade no clube, o defensor comentou da fase conturbada que vive a Raposa em 2019.

Para ele, as possíveis situações que estariam sendo crucial para o rendimento abaixo pouco importam nesse momento.

“Especulam várias dessas coisas (salários atrasados, escalações, briga com treinador), acredito que são irrelevantes. Todo mundo está envolvido, engajado para que as coisas passam a dar certos. Nós sabemos deste momento que vivemos hoje, um momento difícil. Mas, todos do elenco estão incomodados pela situação, por tudo que já vivemos”.

A fase ruim do Cruzeiro, dentro e fora dos campos, originou em diversas manifestações por parte dos torcedores, que, há dias, comparecem frente à Toca da Raposa II protestando contra a diretoria e jogadores - em especial alguns nomes como Thiago Neves, Edílson, Fred e David. Léo considera justo as manifestações, se ponderada.  

“A gente entende os protestos do torcedor, que tem essa autoridade, motivo de estar fazendo os protestos. Todos nós reconhecemos isso, sabemos que o torcedor vive o Cruzeiro vinte e quatro horas. O que só ultrapassa o limite, que não vai de acordo com a razão do torcedor, é a questão da violência”.

A possibilidade de uma desunião do elenco foi desmentida pelo zagueiro, que afirmou justamente o contrário disso como fórmula para se livrar do atual momento. Ele ainda complementa afirmando de uma necessidade de mais empenho.

“A gente se dá bem, não tem elenco rachado, não tem nada. É necessário dar algo a mais, cada um dar um pouquinho a mais – jogadores, comissão e direção – para que a gente consiga sair dessa situação”.

VAVEL Logo
CHAT