Com virada incrível no fim do jogo, Inter vence Gre-Nal e se distancia na liderança
Foto: Reprodução / Internacional SC

Buscando quebrar um tabu de 12 jogos sem vencer um Gre-nal, o Internacional recebeu o Grêmio no Beira-Rio, neste domingo (24), às 16h, e venceu. O Tricolor até saiu na frente do placar, mas viu o Colorado buscar o empate e a virada já após os 45 minutos da segunda etapa para se isolar ainda mais na liderança.

Estratégia das equipes

Abel Braga mandou o Inter a campo com apenas uma mudança em relação a equipe que goleou o São Paulo, que foi a entrada de João Peglow no lugar de Caio Vidal, lesionado. Assim, o Colorado foi escalado num 4-2-3-1. Além da linha de quatro defensores, Rodrigo Dourado e Bruno Praxedes formaram a dupla de volantes, com Edenílson jogando centralizado mais avançado, Peglow e Patrick abertos pelos lados do campo e Yuri Alberto no comando do ataque.

Renato Gaúcho mandou o Grêmio a campo também num 4-2-3-1. Além da linha de quatro defensores, Matheus Henrique e Lucas Silva formaram a dupla de volantes, Jean Pyerre com a responsabilidade de comandar o meio-campo jogando mais centralizado, Alisson e Pepê atuando pelos flancos e Diego Souza como homem de referência na frente.

Primeiro tempo sem grandes emoções

A primeira etapa de jogo foi sem grandes emoções e chances criadas pelos dois times. No geral, o Colorado foi superior devido a tentativa de postura mais ofensiva que o Tricolor. Mas, também sem fazer Vanderlei trabalhar.

O Inter mostrou as credenciais logo aos 2' em chute de fora da área de Bruno Praxedes que Vanderlei espalmou, mas sem grandes problemas. A busca pelo jogo mais ofensivo deu ao time mandante a superioridade da partida até meados dos 15'.

Nessa marca, o Grêmio passou a equilibrar a posse de bola e tentar jogar. Porém, assim como o rival, não conseguiu fazer o goleiro adversário, Marcelo Lomba, trabalhar. As melhores jogadas surgiram em escapadas rápidas de contra-ataque com Jean Pyerre tentando comandar as ações, mas, nenhuma resultou em finalização perigosa.

Ao longo dos minutos o Inter retomou o ritmo inicial, passando a ameaçar mais a área do Grêmio e até chegou a criar duas boas chances. Primeiro aos 28' quando Yuri Alberto recebeu na área, girou para cima da marcação, finalizou e foi travado por Geromel, mandando para escanteio. Depois aos 34', no que foi a melhor oportunidade do primeiro tempo. Yuri Alberto aproveitou sobra na área, foi mais rápido que a defesa e chegou finalizando, com leve desvio da defesa, no travessão.

Depois disso a temperatura da partida caiu novamente, com ambas as equipes em ritmo mais cadenciado e sem criatividade do meio-campo.

Virada heróica e vantagem na liderança

O Inter começou assim como foi na primeira etapa, tentando ser mais ofensivo que o Grêmio e com Bruno Praxedes arriscando chute perigoso de fora da área. João Peglow ainda perdeu chance incrível aos 7', mas parou por aí.

A partir dos 15' o Grêmio passou a ser mais perigoso e a controlar melhor a partida. Diego Souza assustou aos 18' após chute cruzado e defesa de Vanderlei. O camisa 29 passou a ser mais ativo, não a toa as oportunidades gremistas começaram a aparecer, sempre com o atacante envolvido.

Aos 26' ele fez boa tabela com Jean Pyerre após erro na saída de bola do Inter e finalizou mal de canhota, pra fora. O próprio Diego Souza ainda assustou em cabeceio pra fora aos 29'. 

Renato Gaúcho percebeu a superioridade do Tricolor e promoveu as entradas de Ferreira e Maicon, que deram um gás a mais a um poder de controle no meio-campo maior aos visitantes. Com a superioridade e as mudanças, o Grêmio foi recompensado. E com um belo gol.

Aos 30' Diogo Barbosa avançou em velocidade, tocou para Diego Souza na área, que de primeira fez assistência perfeita para Jean Pyerre chegar chapando para o fundo do gol. Belo tento, de pé em pé.

Abel Braga promoveu mudanças, uma delas a entrada de Abel Hernández no ataque. E foi o camisa 99 que garantiu a igualdade no placar. Victor Cuesta avançou pela intermediária, levantou a cabeça e fez belo cruzamento, na cabeça de Abel, que testou para o fundo do gol defendido por Vanderlei.

Já aos 49' a arbitragem flagrou penalidade após toque no braço de Kanneman. A marcação gerou bastante discussão, principalmente após o apito final, mas nada adiantou. A decisão foi mantida e Edenílson converteu para garantir os três pontos ao Colorado.

Classificação e próximos jogos

Com o resultado o Inter fica na 1ª colocação, com 62 pontos e na próxima rodada enfrenta o RB Bragantino, domingo (31), às 19h15, no Beira-Rio. Já o Grêmio aparece na 6ª posição, com 51 pontos ganhos e na próxima rodada enfrenta o Flamengo, quinta (28), às 20h, na Arena.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo