Fora de casa, Palmeiras bate Universidad Católica, quebra recorde e sai na frente nas oitavas da Libertadores
Foto: Cesar Greco/Divulgação/Palmeiras

Palmeiras visitou a Universidad Católica no Estádio San Carlos de Apoquindo, na última quarta-feira (14). Fora de casa o Palmeiras foi pressionado e pouco chegou, mas conseguiu a vitória com um gol de pênalti de Raphael Veiga, conseguindo voltar para casa com a vantagem no placar.

E com a vitória o Palmeiras bateu o recorde do River Plate, que somava quatro vitórias e oito empates fora de casa em 12 jogos entre 2018 e 2019. O Verdão hoje chegou ao 13º jogo sem derrota fora de casa, com 10 vitórias e três empates, estabelecendo assim o novo recorde. A última derrota alviverde foi por 1 a 0, para o San Lorenzo, na fase de grupos de 2019.

Bola em jogo e pressão chilena

A primeira chance de perigo foi com 16 minutos, em um escanteio para a Católica pela esquerda, que teve um desvio fraco de Valencia na pequena área e foi nas mãos de Weverton.

Aos 31, em um chute vindo da direita, de Tapia, que dominou, levou pro meio e bateu rasteiro. Weverton espalmou a bola e no rebote o ataque bateu travado, mas mandando para tiro de meta. Dois minutos depois Zampedri arrancou pelo meio, deu uma caneta em Kuscevic e bateu forte, mas nas mãos de Weverton.

E aos 39, em um lance jogado na área, Deyverson tentou o cruzamento e a bola pegou no braço do defensor, com revisão do VAR e o pênalti foi marcado para o Palmeiras! Veiga colocou a bola embaixo do braço e bateu no meio do gol, com tranquilidade, com o goleiro Perez indo para o canto esquerdo, sem chances de defesa. Estava aberto o placar!

Scarpa comemorando seu gol (Foto: Cesar Greco/Divulgação/Palmeiras
Scarpa comemorando seu gol (Foto: Cesar Greco/Divulgação/Palmeiras

Aos 43 Huerta bateu de longe e mandou por cima do gol, com perigo para Weverton! E aos 49 na falta de Gutiérrez a bola pegou na trave, voltando para o meio, onde houve um cabeceio de Valencia, mas Zé Rafael tirou por cima do gol!

Na segunda etapa, aos oito, Scarpa achou Breno Lopes na esquerda, que dominou, carregou e devolveu para Scarpa bater cruzado, vindo da esquerda, mas para fora!

Aos 25 Wesley, que havia entrado a pouco, recebeu na esquerda, foi pra cima da marcação e conseguiu finalizar em cima do goleiro, que salvou a Católica! Dois minutos depois Valencia recebeu dentro da área, em um passe por cima da defesa, e bateu forte, mas Weverton de jogou nela para salvar o alviverde!

No escanteio batido Weverton espalmou um chute de Silva, no rebote que a defesa tirou para a entrada da área.

A Universidad Católica pressionou mais o Palmeiras, somando 59% de posse contra 41% do alviverde. Nas finalizações uma grande diferença: 14 chutes dos chilenos, com sete certos, contra cinco palmeirenses, que acertaram apenas dois. O jogo também foi muito truncado, com 29 faltas, onde a Universidad fez 17 e o Palmeiras 12. Por fim outro indício dessa pressão: nove escanteios para o mandante contra apenas um do Palmeiras.

Próximos jogos e jogo de volta

A Universidad Católica entra em campo no próximo sábado (17), às 17h, quando encara o Colo-Colo, pelo Campeonato Chileno. Já o Palmeiras joga no domingo (18), às 16h, quando encara o Atlético-GO fora de casa, pelo Campeonato Brasileiro.

A volta será na quarta-feira (21), às 19h15, no Allianz Parque. O Palmeiras tem a vantagem de poder empatar por qualquer resultado. Uma vitória da Universidad por 1 a 0 leva a partida para os pênaltis. Qualquer outra vitória – seja de qual time for – classifica o vencedor.

VAVEL Logo