Bebeto de Freitas recebe convite e pode retornar ao Atlético-MG pela terceira vez

Bebeto foi convidado pelo candidato a presidência do clube, Sérgio Sette Câmara para assumir o cargo de diretor executivo do clube

Bebeto de Freitas recebe convite e pode retornar ao Atlético-MG pela terceira vez
(Foto: Marcos Vieira)

De olho nos planejamentos para o ano de 2018, o Atlético-MG já tem um candidato ao cargo de diretor-executivo do clube. Trata-se de Bebeto de Freitas, ex-presidente do Botafogo. Ele trabalhou no Galo em 2009 a pedido do então presidente Alexandre Kalil, no mesmo cargo em que foi convidado pelo candidato a presidência do clube, o advogado Sérgio Sette Câmara.

Atualmente, Bebeto de Freitas é Secretário de Esportes de Belo Horizonte e tem um currículo de respeito no futebol brasileiro. Ele foi diretor do clube entre os anos de 1999 e 2001 e voltou no ano de 2009. Acabou renunciando ao cargo em agosto daquele ano por conta de problemas particulares em um momento que o Atlético estava em ascensão no Campeonato Brasileiro lutando pelas primeiras colocações.

Ao montar sua equipe na prefeitura de Belo Horizonte, Alexandre Kalil ofereceu o cargo de Secretário de Esportes a Bebeto, com quem tem uma longa parceria e confiança. Bebeto foi ex-jogador e treinador de vôlei. Foi o comandante da geração de prata do vôlei masculino nos Jogos Olímpicos de 1984, em Los Angeles-EUA. Também dirigiu e conquistou títulos importantes com a Seleção Italiana.

Procurado pela equipe do Globoesporte.com, Bebeto que está nos Estados Unidos para um compromisso familiar e afirmou estar honrado com o convite de poder trabalhar novamente no Atlético-MG.

"Estou em Boston, para um compromisso familiar. Estou de licença. Não é apropriado eu falar agora, à distância. Isso (o convite) me deixa bastante orgulhoso. É uma coisa importante, mas não gostaria de entrar no mérito da questão". afirmou

Caso aceite o convite, Bebeto será o segundo nome confirmado da diretoria formada por Sette Câmara. Alexandre Gallo já foi confirmado como o novo diretor de futebol do clube. O candidato da situação já demonstrou certa insatisfação com o clima político vivido pelo clube, alegando que a demora nas definições acaba atrapalhando no planejamento para o próximo, levando em consideração que Sette Câmara pode ser o único candidato a presidência do clube.