Oswaldo demonstra confiança para confronto contra Grêmio e evita falar sobre contratações

Treinador garantiu que o time está focado para a última partida do Galo neste ano

Oswaldo demonstra confiança para confronto contra Grêmio e evita falar sobre contratações
(Foto: Bruno Cantini / Atlético-MG)

O Atlético-MG enfrenta o Grêmio, neste domingo (3), às 17h, no Independência, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. O objetivo da equipe é uma vaga na Copa Libertadores de 2018. Para isso, uma vitória contra os gaúchos é fundamental. O treinador Oswaldo de Oliveira concedeu coletiva nesta sexta-feira (1°), na Cidade do Galo, e comentou sua expectativa para o último compromisso do Galo no ano.

"Nós não podemos desviar a nossa atenção. É um jogo que teve um envolvimento muito grande. Temos consciência que não dependemos só de nós, mas temos que cumprir a nossa parte. Nós sabemos que o Grêmio, com o título da Libertadores, provavelmente não venha com a equipe principal. Não temos nem ideia de quem venha. Eu tive uma conversa com os jogadores, mostrando a importância desse jogo, e temos que contar com todas as possibilidades", disse o treinador.

O comandante atleticano evitou comentar sobre os planos para a equipe em 2018 e não quis falar sobre o volante Arouca. O jogador, que pertence ao Palmeiras, está acertado com o Atlético para a próxima temporada.

"Quero pedir desculpa a vocês. O ano de 2018 começa no dia 4 de janeiro. Nós temos uma eleição e não vou ficar falando de jogador, de contratação ou de dispensa. Nós estamos muito longe de começar a falar desse assunto. Estou concentrado no jogo deste domingo. Atlético-MG x Grêmio, que vai decidir nossa vida. O trabalho é a partir do dia 4 e os jogos a partir do dia 17. Então, vou aguardar até lá", afirmou Oswaldo.