Bragantino recebe vice-líder Atlético-GO para tentar sair da zona de rebaixamento

Duelo envolve disputas em busca de ascensão na tabela: o Braga para fugir do Z4 e o Dragão para chegar ao primeiro lugar

Bragantino recebe vice-líder Atlético-GO para tentar sair da zona de rebaixamento
Foto: Divulgação/Atlético-GO
Bragantino
Atlético-GO
Bragantino: Felipe; André (Guilherme ou Rodrigo Sam), Ednei, César Gaúcho e Bruno Pacheco; Gabriel Dias, Edson Sitta, Alan Mineiro (Rivaldo) e Matheus Rodrigues; Erick e Watson. Técnico: Marcelo Veiga.
Atlético-GO: Kléver; Matheus Ribeiro, Ricardo Silva, Marllon e Raul; Pedro Bambu, Michel, Magno Cruz, Jorginho e Gilsinho; Júnior Viçosa. Técnico: Marcelo Cabo.
ÁRBITRO: Pablo dos Santos Alves (PB). Auxiliares: Luis Filipe Gonçalves Corrêa (PB) e Oberto Santos da Silva (PB).
INCIDENCIAS: Partida válida pela 25ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2016, a ser realizada no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista/SP.

A fuga da zona da degola é a missão do Bragantino até o fim da Série B do Campeonato Brasileiro 2016. Na noite desta terça-feira (13), a partir das 20h30, no Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista/SP, pela 25ª rodada, mais um capítulo desta saga será escrito. O adversário da vez é o vice-líder Atlético-GO que, dois pontos atrás do Vasco da Gama, pode se tornar o primeiro colocado nesta rodada.

"Líder" do Z4, ocupando a 17ª colocação, com 27 pontos, o Braga quer sua terceira vitória seguida para confirmar a virada na competição. Vencendo e contando com um tropeço do Paysandu diante do Bahia, a equipe da terra da linguiça pode sair do sufoco, ainda que momentaneamente.

Na cola do líder Vasco, o Dragão possui 42 pontos. Invicto há sete jogos, o rubro-negro de Goiânia precisa da vitória para manter distância do terceiro colocado, Brasil de Pelotas, e assumir a liderança, caso o time cruzmaltino perca para o rival Goiás.

Bom momento embala Massa Bruta rumo à fuga do 'inferno'

As vitórias sobre Tupi, por 1 a 0 em Juiz de Fora, e 2 a 1 sobre o Sampaio Corrêa em casa, mudaram o astral do Braga, que agora vê a saída do Z4 como algo plausível. A equipe comandada por Marcelo Veiga tem apenas um desfalque para o duelo desta noite. O lateral-direito Alemão, expulso na vitória da terça-feira passada. Dentre as opções, estão Rodrigo Sam, André e Guilherme. A resposta para esta dúvida só será dada no momento da divulgação da escalação.

O meia Watson, autor de um dos gols da última vitória, lembrou do bom desempenho do time de Bragança diante dos maranhenses e espera que a confiança em alta sirva como combustível para as próximas partidas. "Entramos com espírito de vitória. Não queríamos empatar e nem perder, somente a vitória interessava para nós e conseguimos fazer o nosso papel. Duas vitórias seguidas nos ajudam muito. Ganhamos uma confiança boa, mas temos que ir com humildade para os próximos jogos, assim como fomos nas duas últimas partidas", afirmou.

O Dragão quer voar rumo ao primeiro lugar

Cada vez mais sólido dentro do G4, abrindo quatro pontos de distância para o quinto colocado, Ceará, o Atlético-GO agora trava uma disputa direta com o Vasco da Gama pela liderança. Tal qual no histórico duelo bíblico Davi contra Golias, o rubro-negro sabe a grandeza do adversário indireto, porém não tem medido esforços para chegar no topo. São sete jogos de invencibilidade dentro da Série B e o sonho de ser campeão é real.

Para o confronto com o Bragantino, Marcelo Cabo tem como baixas o lateral-esquerdo Romário, suspenso devido ao terceiro cartão amarelo sofrido diante do Luverdense na rodada passada e o zagueiro e capitão Lino, que não viajou para Bragança Paulista em função de um desgaste muscular. O jogador ficará em Goiânia aprimorando exclusivamente a parte física. Sobre a ausência do líder dentro de campo, Cabo espera que o tratamento aplicado à Lino seja eficaz e deixe o zagueiro 100%, para retornar em alto nível.

"O Lino vinha de uma sequência de jogos muito longa. Isso acarretou um desgaste físico muito grande, acima do normal. Eu prefiro contar com o Lino para o restante do campeonato do que para apenas uma ou duas partidas. Ele é um jogador importante para nós e por isso irá passar por uma programação diferente para retornar", comentou.

Sobre o adversário desta noite, o treinador do Dragão sabe que é complicado jogar no Nabi Abi Chedid, mas sabe que seu time, jogando intensamente, pode conseguir um bom resultado. "O Bragantino é um time complicado de se enfrentar. Em casa tem um jogo muito forte e temos que ter cuidado. O time teve uma semana completa para treinar e isso é importante. Esperamos ter um jogo forte para conseguirmos os pontos fora de casa", finalizou.