Djokovic cede apenas seis games e vence Zeballos para avançar à terceira rodada de Wimbledon

Cabeça de chave número 12, sérviou derrotou o argentino em três sets, com parciais de 6/1, 6/2 e 6/3, em 1h30, para continuar sua busca pelo título em Londres

Djokovic cede apenas seis games e vence Zeballos para avançar à terceira rodada de Wimbledon
Foto: Michael Steele/Getty Images
#21 Novak Djokovic
3 0
#126 Horacio Zeballos

Cabeça de chave número 12, o #21 Novak Djokovic continua sua busca pelo seu quarto troféu em Wimbledon - primeiro desde 2015 -com uma performance sólida sobre o #126 Horacio Zeballos por 6/1, 6/2 e 6/3, em somente 1h30.

Essa foi a vitória de Grand Slam número 246 para o sérvio e a de número 60 em Wimbledon, transformando-se apenas no quinto jogador a atingir essa marca na era aberta, junto com lendas do esporte como Roger Federer, Jimmy Connors, Boris Becker (seu ex- treinador) e Pete Sampras, todos multi-campeões no torneio londrino. 

Em 2017, Djokovic perdeu nas quartas de final e resolveu se ausentar do resto da temporada para poder tratar de uma contusão em seu cotovelo, voltando apenas a atuar em janeiro desse ano. Novak vem retomando a sua melhor performance desde maio, no Masters 1000 de Roma;

O sérvio jogou em alto nível em Roland Garros e em Queen’s, confirmando que é novamente um dos favoritos junto a Roger Federer na grama sagrada do All England Club. Firme no serviço, Djokovic disparou 15 aces nesta quinta-feira (5), cedendo apenas 12 pontos no saque e salvando três break points.

Zeballos estava longe dessas estatíscas de Djokovic e demonstrando insegurança na grama, sempre tendo seus games de saque comprometidos de alguma forma pelas excelentes devoluções de Djokovic, oferecendo assim 13 chances de break para o sérvio, que converteu essas oportunidades em seis ocasiões para carimbar sua passagem para a terceira rodada em Wimbledon. Djoko encontrou seu ritmo desde o início da partida, sacando bem e quebrando Zeballos nos segundo e sexto games para fechar em 6/1 no primeiro set.

Novak salvou três break points no segundo game da segunda parcial e quebrou o saque do argentino entre seus games de devolução para uma diferença de 4/0, fechando o set em 6/2 e marchando com
tranquilidade para a vitória.

Zeballos, atordoado e perdido em quadra, começou o terceiro set perdendo seu serviço. Apesar de uma pequena fisgada na perna e um pouco de dor, Djokovic manteve a concentração, finalizou o jogo quebrando no nono game o saque do argentino, fechando a fatura em 6/3 após 1h30.

Djokovic enfrentará na terceira rodada o #21 Kyle Edmund, melhor britânico do ranking da ATP. Edmund eliminou no segundo round o qualifier estadunidense #168, Bradley Klahn, com parciais de 6/4, 7/6(0) e 6/2.