Diante de sua torcida, Rogers bate Rodina em Charleston no retorno às quadras após 13 meses
Foto: Divulgação/Volvo Car Open

O Volvo Car Stadium, quadra principal do WTA Premier de Charleston vivenciou na tarde desta segunda-feira (1º) o comeback da americana wildcard Shelby Rogers. Em sua primeira partida de volta, a tenista de 26 anos, natural da cidade, foi empurrada pelo público e venceu a russa #68 Evgeniya Rodina, com parciais de 6/4 e 6/3, em 1h10.

Ambas as parciais foram muito equilibradas - a primeira contou com cinco quebras de serviço, já a segunda com quatro - e a maior diferença vista no jogo foi a boa construção de pontos  paciência de Rogers. No primeiro set a americana sofreu duas quebras de serviço (games três e sete) e quebrou nos games dois, oito e dez. 

Na segunda parcial, Rogers sofreu uma quebra (game três) e quebrou o serviço da russa em três ocasiões (games dois, seis e oito). 

Ao todo, Rogers venceu 62 pontos de 102 (61%), nove deles vencidos consecutivamente. A americana disparou seis aces e cometeu metade de dupla faltas (três); Rodina zerou em aces e cometeu uma dupla falta.

A ex-número 48 do mundo se emocionou muito após o fim da partida. Rogers agradeceu muito o apoio da torcida e teve a companhia da sobrinha em quadra. A estadunidense, que ficou 13 meses fora das quadras por conta de uma lesão no joelho, afirmou ao fim da partida que 'não sabia que poderia sentir tantas emoções ao mesmo tempo'.

A americana, que já foi bem recebida por algumas de suas colegas de circuíto, avança no Volvo Car Open e enfrenta agora a finalista de 2017, a letã #31 Jelena Ostapenko, que venceu a #88 Johanna Larsson em sets diretos.

VAVEL Logo