Tig precisa de oito match points, mas vence batalha com Bouchard e conquista WTA de Istambul
Foto: Gokhan Taner/Tennis Championship Istanbul

Em um terceiro set insano, a mamãe #88 Patricia Maria Tig venceu o primeiro título na carreira após bater a canadense #272 Eugenie Bouchard na decisão do WTA de Istambul, neste domingo (13). Bouchard chegou a salvar sete match points, mas Tig garantiu a vitória no oitavo, com parciais de 2/6, 6/1 e 7/6(4), em 2h32.

Bouchard fez um primeiro set dominante. Sem muitos erros, a canadense foi muito bem no saque e conseguiu a primeira quebra logo no segundo game para administrar o placar na parcial. A canadense venceu 80% dos pontos no primeiro saque e 75% no segundo, não concedendo à Tig nenhum break point. Das quatro passagens no saque, a romena só não enfrentou bp em uma. Assim, a ex-top cinco conseguiu outra quebra no oitavo game para fechar em 6/2, após 37 minutos.

A segunda parcial já foi totalmente diferente. Muito mais imprecisa, Bouchard viu Tig quebrar no primeiro game e, com a passagem do jogo, foi ficando frustrada e errando mais. A canadense teve duas chances de devolver a quebra no quarto game, mas não conseguiu.

A romena acabou vencendo os últimos quatro games do jogo, com a canadense ainda recebendo uma advertência por jogar uma bolinha para fora do estádio. No fim, após desperdiçar três set points, Tig conseguiu sua terceira quebra no set e fez 6/1, em 39 minutos.

Tig parecia em controle da decisão no terceiro set. Ela abriu 4/1 e teve duas chances de quebra no sexto game, salvas por Bouchard. Na sequência, ela foi quebrada, mas conseguiu novamente tomar a frente no placar para sacar para o jogo em 5/3. Aí, a canadense mostrou força. Ela salvou três match points no nono game e, no 12º, saiu de 0-40 e salvou mais três para levar o jogo para um tiebreak.

Mesmo com tantas chances desperdiçadas, Tig conseguiu se manter firme. Errando menos, ela conseguiu abir 6-3 e entregou para Bouchard a responsabilidade de sacar duas vezes para tentar se manter no jogo. A canadense salvou o sétimo match point, mas, com a romena abusando dos slices, conseguiu garantira a vitória: 7/6(4), em 1h16.

Em sua terceira final, Tig garante o primeiro título - ela havia sido vice em Baku 2015 e Bucareste 2019. A campanha na Turquia leva a romena para sua melhor posição do ranking na carreira, o 58º posto.

Já Bouchard, que veio do qualifying, venceu seis partidas seguidas em seis dias, mas não conseguiu a sétima. Ela chegou a sua sétima final na carreira, a primeira em quatro anos, mas ficou com o sexto vice-campeonato. Mesmo assim, ela garante uma ascensão de 109 posições no ranking, assumindo a 163ª colocação.

VAVEL Logo