Zverev derrota Berrettini de virada e fatura Masters 1000 de Madrid pela segunda vez
Foto: Divulgação/ATP Tour

O #6 Alexander Zverev conquistou seu quarto título de Masters 1000 e o segundo no Mutua Madrid Open, neste domingo (9). O feito foi alcançado após vitória de virada sobre o #10 Matteo Berrettini por 2 sets a 1, com parciais de 6(8)/7, 6/4 e 6/3, após 2h43.

A partida foi bastante intensa, com ambos os tenistas jogando muito agressivo. A potência no saque e na primeira bola logo após foram grande marca dos dois, principalmente no primeiro set. Não foi à toa que o cenário na etapa inicial resultou em tiebreak.

Zverev não havia perdido o saque e nenhum set inteiro em sua campanha até a final, assim como na sua conquista de 2018. O adversário, porém, fez questão de quebrar essa marca, ainda que por pouco. O italiano chegou a salvar set point contra antes de fechar o desempate em 10-8.

Em alguns números, Berrettini até teve um melhor desempenho que o oponente, como em mais aces (7 a 5) e menos duplas faltas (1 a 7). Ainda assim, Zverev levou a melhor no aproveitamento geral, mesmo que não por muito. Ele registrou 69% de sucesso nos pontos de serviço e 37% na devolução, enquanto que o outro anotou 63% e 31% respectivamente.

No segundo set, o alemão aproveitou um dos dois únicos break points que houveram em disputa, ambos a seu favor, e faturou uma quebra. Já na terceira etapa, foram duas quebras para ele, sendo a segunda no longo último game do jogo, com muitas igualdades e com Berrettini perdendo uma chance de confirmar o serviço em vantagem.

Esta foi a terceira vitória de Zverev sobre o italiano em quatro confrontos diretos e deu ao origem ao 15º título da carreira do alemão. O agora bicampeão de Madrid segue na sexta posição do ranking, mas fica mais perto de Tsitsipas, que está em quinto e cerca de 600 pontos acima.

VAVEL Logo