Se aperfeiçoando no saibro, Murray pode surpreender em Roland Garros?

Entre os dias 22 de maio e cinco de junho acontece o segundo Grand Slam do ano, Roland Garros

Se aperfeiçoando no saibro, Murray pode surpreender em Roland Garros?
Murray em ação em Madri/ Foto: Anadolu Agency/ Getty Images

No próximo dia 22 tem início o segundo Grand Slam do ano, Roland Garros. Disputado no saibro francês das quadras do Stade Roland Garros, em Paris, o torneio celebra sua 115ª edição neste ano de 2016. Terceiro colocado no ranking da ATP, o escocês Andy Murray desponta como um dos favoritos ao título após anos de desconfiança.

Nascido em Glasgow, na Escócia, durante a infância, Murray sempre treinou em quadras de grama ou de cimento - rápidas, tendo seu primeiro contato com a terra batida somente aos 15 anos. Essa defasagem sempre o prejudicou durante toda a carreira. No entanto, após 11 anos como profissional, o escocês parece finalmente confortável no saibro.

Na temporada passada, Murray conquistou seu primeiro título em quadras de saibro pela primeira vez: após vencer o alemão Philipp Kohlschreiber por dois sets a um, com parciais de 7/6 5/7 e 7/6, o tenista da Escócia se sagrou campeão do ATP 250 de Munique, na Alemanha.

Logo na semana seguinte, outro título veio de forma surpreendente: após vencer Milos Raonic e Kei Nishikori, o número três do ranking da ATP bateu o espanhol Rafael Nadal, que jogava em casa, em dois sets, com parciais de 6/3 e 6/2, para levantar o troféu do Masters 1000 de Madri.

No entanto, no segundo Grand Slam do ano, Roland Garros, o escocês foi eliminado nas semifinais ao perder para o número um do mundo, Novak Djokovic da Sérvia, por três sets a dois, com parciais de 6/3 6/3 5/7 5/7 e 6/1, em um jogo de "dois dias".

Neste ano, Murray falhou na defesa do títulos: não jogou em Munique e perdeu na final em Madri para Djokovic por dois sets a um, com parciais de 6/3 3/6 e 6/2. 

Porém, o tenista da Escócia mostra evolução na terra batida. Com a movimentação cada vez melhor e, principalmente, mais seguro e paciente nos rallys de fundo de quadra, além de contar com seu primeiro serviço para sair de situações complicadas, Murray vem fazendo uma ótima temporada, com direito a vitória contra Nadal na semifinal de Madri por dois sets a zero, com parciais de 7/5 e 6/4.

Entre os dias 22 de maio e cinco de junho ocorre o segundo Grand Slam do ano em Paris. A melhor cobertura de Roland Garros você acompanha na VAVEL Brasil.