Em confronto brasileiro, Melo leva a melhor sobre Soares e vai à final em Paris

Marcelo Melo e Lukasz Kubot venceram Bruno Soares e Jamie Murray por dois sets a zero para chegar a mais uma decisão no ano

Em confronto brasileiro, Melo leva a melhor sobre Soares e vai à final em Paris
Brasileiro e polonês em ação (Foto: ATP/ Divulgação)
Melo/ Kubot
2 0
Soares/ Murray

Neste sábado (04), ocorreram as partidas válidas pela fase de semifinal do Masters 1000 de Paris, na França. Dupla cabeça de chave número dois do torneio, Marcelo Melo e Lukasz Kubot enfrentaram a parceria composta pelo brasileiro Bruno Soares e o escocês Jamie Murray - cabeça de chave número cinco.

Depois de uma hora e 11 minutos, a parceria do Brasil e da Polônia saiu vencedora por dois sets a zero, com parciais de 6/4 e 6/2.

Com a vitória, os campeões de Wimbledon garantiram vaga em mais uma final em 2017. Esta será a 50ª final de torneios do circuito da ATP na carreira do natural de Belo Horizonte, sendo a nona apenas nesta temporada: foi campeão de Wimbledon,  dos Masters 1000 de Miami e Madri, do ATP 500 de Halle e do ATP 250 de S'Hertogenbosch. Além de ter sido vice em Indian Wells, Washington e Xangai.

+ Soares/ Murray eliminam donos da casa e enfrentam dupla de Melo na semi de Paris

Na decisão que ocorre neste domingo (05), Marcelo e Lukasz esperam os vencedores do confronto entre a dupla cabeça de chave número seis - Jean Julian Rojer da Holanda e Horia Tecau da Romênia - e os cabeças de chave número sete: Ivan Dodig da Croácia e Marcel Granollers da Espanha.

"Poderíamos ter dificultado mais a vida deles, mas não conseguimos. A gente vem em um ritmo bom desde a Ásia com a final em Tóquio, semi em Xangai, semi aqui em Paris e agora vamos descansar e nos preparar para Londres que é um torneio muito especial" lamentou Soares, depois da derrota.

Kubot será número um do mundo

Com os pontos conquistados nesta semana, o polonês Lukasz Kubot garantiu o posto de líder do ranking da ATP na próxima segunda-feira (06), com 8110 em caso de vice-campeonato e 8510, em caso de título. Já Marcelo será o vice-líder mundial, com 90 pontos a menos que seu parceiro.

O melhor do tênis mundial, você acompanha na VAVEL Brasil.