Guia VAVEL Superliga Masculina 2017/2018: Juiz de Fora
Foto: Rodrigo Rodrigues/Editoria de Arte/VAVEL Brasil

O Juiz de Fora, equipe que disputa a Superliga Masculina de vôlei 2017/2018, enfrentou alguns problemas financeiros que quase o tiraram desta temporada do certame nacional. Mas, graças à renovação de contrato com o Cruzeiro, a equipe conseguiu se manter e vai participar mais uma vez da principal competição nacional.

O Cruzeiro estendeu a sua parceria com o Juiz de Fora Vôlei e cederá, pela segunda temporada seguida, atletas ao clube da Zona da Mata para a disputa dos torneios de 2017/2018. Ao todo, são dez jogadores emprestados, sendo que oito deles fizeram parte do grupo que deu o inédito sétimo lugar na temporada 2016/2017 para o time.

Elenco

Tiveram o empréstimo renovado por mais um ano o levantador Henrique Adami, os ponteiros Rammé, Raphael e Vitor, os centrais Bruno, Franco e Matheusão e o líbero Juan. As duas novidades integradas ao elenco de Juiz de Fora são o líbero Athos e o ponta Leozinho, que se destacou no principal do Cruzeiro em 2016/17.

Além das duas contratações, chegou também o levantador Felipe Hernandez, de 23 anos, que atuou no Canoas na última temporada e reúne passagem pelo Minas Tênis Clube e pelo próprio Juiz de Fora - defendido na temporada 2015/2016. Pela primeira vez na carreira, Felipe assumirá o papel de protagonista dentro de quadra, sendo titular e recebendo oportunidades seguidas. O oposto venezuelano Emerson Rodriguez, de 25 anos, foi outro reforço.

Levantadores: Henrique Adami e Felipe Hernandez
Oposto: Emerson Rodriguez
Ponteiros: Felipi Rammé, Vítor, Raphael Marcarini e Leozinho
Centrais: Bruno, Franco e Matheuzão
Líberos: Juan Mendez e Athos

Técnico: Henrique Furtado

Henrique Furtado segue no comando do JF (Foto: Renato Araújo/Arquivo Sada Cruzeiro)

O técnico Henrique Furtado, que fará apenas a sua segunda temporada como técnico de uma equipe adulta, segue no comando do Juiz de Fora. O treinador comandou a base do Cruzeiro, foi auxiliar de Marcelo Mendez na equipe mineira e parou no time da Zona da Mata na parceria com o clube da capital. Ainda em 2016, transferiu-se para o JF e comentou sobre o acerto na época.

"Tenho a expectativa de fazer um ótimo trabalho. Espero que o time possa jogar bem, apresentando um bom voleibol, e quero ver evolução dos atletas nesse período. Ao mesmo tempo, o objetivo é representar bem a cidade de Juiz de Fora. Estou completamente motivado com esse desafio, por estar à frente de uma equipe que vem de uma parceria entre instituições tão sérias como Sada Cruzeiro e Juiz de Fora. E sei que os jogadores também estão muito motivados. Iremos trabalhar muito para subirmos de nível a cada dia e, assim, conseguir enfrentar os grandes desafios que teremos pela frente”, afirmou.

Campanha na última Superliga

Na temporada passada, a equipe mineira conseguiu a inédita classificação para os playoffs, criando grande expectativa na torcida para que, nesta edição, o time alcance voos ainda mais altos. Em 2016/2017, caiu na quartas para o Taubaté, posteriormente vice-campeão. A equipe irá fazer sua estreia na Superliga 2017/2018 contra o Minas Tênis Clube, em duelo regional, neste sábado (14), no Ginásio UFJF, em Juiz de Fora, às 18h.

VAVEL Logo