Sem chances de título, Seleção Feminina vence Coreia do Sul na Copa dos Campeões

Equipe sul-americana vence por sets diretos, sobe na tabela, mas não consegue alcançar a China - campeã antecipada

Sem chances de título, Seleção Feminina vence Coreia do Sul na Copa dos Campeões
Foto: Divulgação/FIVB
Brasil
3 0
Coreia do Sul
Brasil : Roberta, Tandara, Natália, Gabi, Carol e Bia. Líbero – Gabi. Entraram: Naiane, Mara, Monique e Amanda. Técnico: Zé Roberto Guimarães.
Coreia do Sul : Lee Jae-Eun, Lee Jaeyeong, Han Sooji, Kim Yur, Hwang Minkyoung e JEON Saeyan. Líberos: Yeongyeon e Na Hyun Jung. Entraram: Jeong Siyoung, LEE Goeun e CHOI Subin. Técnico: HONG Sungjin.
Placar: 25/15 ||| 25/10 ||| 25/23.
INCIDENCIAS: PARTIDA VÁLIDA PELA QUARTA RODADA DA COPA DOS CAMPEÕES, REALIZADA no Nippoin Gaishi Hall, em Nagoya, no Japão.

Na madrugada deste sábado (9), em Nagoya, no Japão, a Seleção Feminina de vôlei venceu a Coreia do Sul por 3 sets a 0 (25/15, 25/10 e 25/23) com 1 hora e 17 minutos de jogo, pela quarta rodada da Copa dos Campeões. A equipe do treinador José Roberto Guimarães tem duas derrotas (China e Japão) e duas vitórias (Rússia e Coreia do Sul) na competição. 

Campeão em 2005 e 2013, o Brasil aparece com oito pontos na classificação geral, e não tem mais possibilidade de conquistar o torneio. A China lidera a competição com 11 pontos, seguida dos Estados Unidos, com sete, mas com uma vitória a mais que o time verde e amarelo. As brasileiras encerram sua participação no torneio com o duelo contra os Estados Unidos, nesse domingo, às 2h40 (de Brasília). 

Firme no bloqueio, Brasil vence com facilidade

Jogando diante da última colocada do torneio, o Brasil abriu o primeiro set e ampliou a vantagem com bom desempenho no saque e no ataque. Com facilidade, sul-americanas chegaram a ficar 11 pontos à frente e logo fecharam o período por 25 a 15.   

A segunda parcial foi ainda mais tranquila para o time do técnico José Roberto, que marcou três pontos seguidos de bloqueio, ganhando ainda mais confiança para a partida. Bem postado defendisivamente e perigoso nos ataques, a Seleção Brasileira liderou o placar com uma diferença cada vez maior de pontos e assim encerrou o segundo set por 25 a 10.  

As sul-coreanas acordaram no terceiro set e foram ao primeiro tempo técnico na frente do placar por 8 a 6. A equipe asiática parecia próxima da vitória quando liderava por 18 a 13, no entanto, as meninas brasileiras reagiram e finalizaram o último set por 25 a 23, vencendo o jogo com 3 sets a 0.

Assim como acontecera diante da Rússia, a oposta Tandara foi a maior pontuadora do jogo, com 19 acertos (13 de ataque, 3 de bloqueio e 3 de saque). Rosamaria, com 15 pontos, e a central Carol, com 10 acertos, também se destaracam na peleja. O Brasil marcou 14 pontos de bloqueio. 

Tivemos um bom comportamento nesse jogo contra a Coreia do Sul. Nosso time se preparou bem para essa partida. O nosso saque e os contra-ataques funcionaram com eficiência. Gostei da nossa apresentação e vamos nos preparar para o duelo contra os Estados Unidos”, disse o técnico José Roberto Guimarães sobre a partida.