Pela Libertadores, Independiente del Valle recebe Unión Española no Equador
Fernando Guerrero é o destaque da equipe (Foto: Reprodução / Site Independiente del Valle)

Independiente del Valle e Unión Española se enfrentam na noite desta terça-feira (18), em Sangolquí, região metropolitana de Quito, pela primeira rodada do Grupo 2 da Copa Libertadores da América. No grupo, ainda estão presentes Botafogo e San Lorenzo, que duelaram na última terça-feira (11). Os brasileiros levaram a melhor, vencendo por 2 a 0 no Maracanã com gols de Juan Carlos Ferreyra e Wallyson. Com isso, as duas equipes duelam hoje buscando igular o Fogão na liderança do Grupo.

Na última rodada, no campeonato equatoriano, o Independiente del Valle derrotou o Olmedo por 1 a 0 fora de casa. Pablo Reppeto, técnico da equipe, não tem desfalques e colocará em campo o que tem de melhor para a estreia do clube na maior competição internacional das Américas. O goleiro Librado Azcona (desde 2010 na equipe), e os meio campistas Fernando Guerrero (2009) e Junior Sornoza (2011) são os líderes do grupo. Para esse ano, Christian Núñez, Andrés Lamas e Mario Rizotto foram contratados. A classificação à Libertadores surgiu como fruto das categorias de base. Fernando Guerrero, destaque da equipe, é o principal exemplo disso. Após passagem na base do Real Madrid Castilla, foi lapidado no time do povo do Equador.

Leia mais - Guia da Libertadores: Independiente del Valle

Já o Unión Española, na última rodada do Clausura chileno, empatou com o Cobreloa fora de casa. Os dirigidos de José Luis Sierra contam com importantes desfalques. A experiente dupla de volantes: o uruguaio Diego Scotti (37 anos) e o capitão chileno Gonzalo Villagra (32) - e no clube desde 2006 - perderão o embate por lesões. Por ali, o Independiente del Valle pode explorar e ganhar vantagem. Gustavo Canales, centroavante da Universidad de Chile na Copa Sul-Americna 2011, é o destaque da equipe. Chegou em 2013 após problema por doping no Arsenal de Sarandí. Para essa temporada, a contratação destaqque ficou por conta do enganche Cristian Chávez, proveniente do Lanús. Ele chegou e assumiu a 10 dos Rojos de Santa Laura.

Leia mais - Guia da Libertadores: Unión Española

VAVEL Logo