Destaque do Carpi, goleiro Gabriel não deseja voltar ao Milan: “Não é o momento certo”

O modesto Carpi, clube italiano que disputa a Serie B, conseguiu, pela primeira vez em 93 anos, subir para a elite do campeonato nacional. Na terça-feira (28), a equipe da região Emília-Romanha empatou com o Bari em 0 a 0 e, com isso, se classificou à Serie A da próxima temporada. Um dos destaques da campanha do time biancorosso é o goleiro brasileiro Gabriel, que perdeu espaço no Milan com a chegada de Diego López e acabou sendo emprestado no início da atual temporada.

Nesta quarta-feira (29), o arqueiro concedeu entrevista ao Tuttomercatoweb.com e revelou que não pretende retornar ao gigante Milan. Segundo ele, o clube está bem servido na posição com Diego López e Christian Abbiati.

Meu futuro? O Milan seria um sonho, mas estou ciente que eles têm dois grandes goleiros [Diego López e Abbiati] incríveis. Então, acho que não é o momento certo de retornar ao rossonero”, admitiu.

Titular absoluto do Carpi, o ex-goleiro do Cruzeiro afirma que sua intenção é permanecer no clube biancorosso a fim de ganhar mais experiência. “Eu gostaria de continuar jogando como titular para continuar meu caminho de crescimento. O Carpi vai se reunir com o Milan e decidir em conjunto o meu futuro”, disse.

Questionado sobre um dia voltar a vestir a camisa 1 do Milan, Gabriel foi enfático: “Eu tenho mais dois anos de contrato e tenho que pensar em crescer e trabalhar duro. O Milan é uma equipe muito importante e eu quero trabalhar o melhor para estar pronto para o dia que eu tiver a minha chance. Tenho falado nos últimos meses com Galliani [vice-presidente e diretor esportivo do clube milanês] e outros líderes do Milan, que me fizeram muitos elogios. Mas eu sempre mantive o foco”.

Aos 22 anos, Gabriel atuou em 35 jogos pelo Carpi nesta temporada e não leva um gol há cinco jogos, quando os biancorossi venceram o Vinceza por 2 a 1.

VAVEL Logo