Zidane cobra maior concentração e exalta Cristiano: "Quando ele está bem, o time todo está bem"
Foto: Daniel Nieto/VAVEL

Zidane cobra maior concentração e exalta Cristiano: "Quando ele está bem, o time todo está bem"

Técnico merengue recrimina os três gols sofridos de bola parada e ressalta maior peso de falhas na Champions League; Nacho diz que erros de concentração precisam ser superados;

giovannazr
Giovanna Zeloni

Em uma partida de nove gols, o Real Madrid enfrentou pela primeira vez o estreante Girona e venceu por 6 a 3 a equipe catalã no Santiago Bernabéu este domingo (18). Com quatro gols de Cristiano Ronaldo, um de Lucas Vázquez e um de Gareth Bale, a equipe merengue fez chover em casa na 29ª rodada do campeonato espanhol, mas também pecou na parte defensiva, sofrendo três gols de bola parada.

Com a vitória, a equipe da capital ocupa a terceira posição na tabela da liga e diminui para quatro a diferença de pontos entre o segundo colocado, Atlético de Madrid, que tropeçou na rodada. O Girona, por outro lado, se distancia do sonho de disputar a Europa League, mas segue na cola de Sevilla e Villarreal por uma vaga, a dois e quatro de distância, respectivamente. 

Questionado sobre a atuação de seu time na partida, o técnico merengue Zinedine Zidane mostrou preocupação com os três gols marcados pelo adversário Girona.: "Fico com a vitória e os seis gols. O tema da bola parada foi um pouco estranho, não estivemos acertados. Você pode sofrer um gol, mas três... Nos faltou concentração. Na Champions isso te coloca mais dificuldade", disse o francês.

"Controlamos o jogo, tivemos momentos muito bons e alguns em que precisamos sofrer. Com a derrota do Atlético queremos tentar chegar ao segundo lugar".

Zidane ainda não poupou elogios a Cristiano Ronaldo, grande responsável pelo crescimento do Real Madrid no segundo turno da temporada, cujo aumento de rendimento foi um divisor de águas na temporada do time. 

"Cristiano transmite uma energia muito positiva ao grupo. Ele se conhece muito bem e sabe quando tem que parar um pouco, quando chega o momento chave sempre está muito bem.  A nível pessoal, Cristiano está a três gols de Messi, e tomara que seja o Pichichi porque é muito importante para todos nós", comentou o técnico. 

"Sabemos do que Cristiano é capaz. Estamos felizes, jogamos muito agora e o bom é que estamos bem. Quando ele está bem, o time está muito bem. Cristiano tem uma grande ambição, em cada treinamento tem a concentração máxima. Isso que o faz diferente dos demais".

Sobre as peças à sua disposição, Zidane se disse satisfeito com o rendimento e atuação dos jogadores que escala ou substitui: "Se jogam Asensio e Lucas Vázquez é porque acredito que merecem. Estão jogando muito bem e valorizo o trabalho de cada um." Sobre Bale e sua recuperação, o técnico também foi claro: "Está aqui e está recuperado".

Zidane finalizou lamentando que o ímpeto da equipe não foi o mesmo na primeira parte da temporada, mas focou em manter o nível para o restante dos jogos.: "Recuperamos a confiança e quando você faz tantos gols... Isso nos fez falto no começo da temporada. Fizemos gols espetaculares e isso é uma coisa da equipe toda. Queremos seguir assim. Agora há uma parada para jogos das seleções e na volta teremos um jogo da Liga e logo depois a Juventus. Sabemos que precisamos cuidar dos detalhes".

Perguntado sobre o trabalho defensivo da equipe, Nacho Fernández demonstrou preocupação com o número de gols sofridos, principalmente em relação à outra competição que o Real Madrid disputa: "Foi um jogo de muitos gols. Não estivemos bem na bola parada, mas o importante era ganhar e manter a sequência", disse o espanhol. "Este ano estamos mais focados na Champions e os gols sofridos não são fáceis de engolir. Hoje entrou tudo".

Nacho também comentou sobre o poker de Cristiano Ronaldo, que vem mantendo uma média de gols surpreendente em 2018: "Sobre Cristiano, é uma barbaridade. Mais um ano demonstrando que é o melhor. Estranho seria se ele não marcasse."

O atacante Lucas Vázquez reforçou o discurso de Zidane, dizendo que "quando melhor está Cristiano, melhor está o Madrid: "Cristiano está em um nível espetacular, e demonstra isso rodada após rodada. Se seguir assim, vai caçar Messi"disse o espanhol. "Agora estamos tendo a sorte na frente do gol que nos faltou ao começo da temporada."

Vázquez ainda garantiu que há bastante temporada pela frente e comemorou sua boa fase: "Na Liga vamos lutar até o final, e na Champions vamos com tudo. Pode ser que eu esteja no meu melhor momento desde que cheguei ao Real Madrid".

Pela próxima rodada do campeonato espanhol, no sábado (31), o Real Madrid irá enfrentar o Las Palmas, atual 18º colocado, no Estádio de Gran Canaria. Em seguida, na terça-feira (3), a equipe madridista viaja à Itália para enfrentar a Juventus pelas quartas de final da Champions League

VAVEL Logo

Liga Espanhola Notícias

há 2 dias
há 6 dias
há 6 dias
há 7 dias
há 8 dias
há 9 dias
há 9 dias
há 13 dias
há 14 dias
há 14 dias
há 16 dias