Com titulares vindo do banco, Bayern passa com tranquilidade pelo Hannover fora de casa

Robert Lewandowski chega a 179 gols e já é o sétimo maior artilheiro da história da Bundesliga, na vitória do time de Munique por 3 a 0

Com titulares vindo do banco, Bayern passa com tranquilidade pelo Hannover fora de casa
Foto: © gettyimages / ODD ANDERSEN
Hannover 96
0 3
Bayern de Munique
Hannover 96: Tschauner; Hübers, Sane, Elez, Sorg, Schwegler (Maier min. 80), Bakalorz (Fossum min. 69), Albornoz, Harnik (Sarenren Bazee min. 64), Füllkrug, Bebou
Bayern de Munique: Ulreich – Rafinha, Mai, Boateng, Bernat - Süle Robben (Müller min. 46), James (Martinez min. 71), Rudy, Thiago Wagner (Lewandowski min. 67)
Placar: 0-1, min. 57 Muller. 0-2, min. 73, Lewandowski. 0-3, min. 89, Rudy
ÁRBITRO: Martin Petersen Amarelos Oliver Sorg (min. 85)
INCIDENCIAS: Partida válida pela 32ª rodada da Bundesliga, disputada na HDI-Arena para 49.000 espectadores.

Em jogo que não movimentaria a tabela, Hannover 96 e Bayern de Munique foram à campo na HDI-Arena, em Hannover neste sábado (21), pela 31ª rodada da Bundesliga e o que se viu foi mais uma vitória dos campeões antecipados da temporada. Com gols de Thomas Muller, Lewandowski e Rudy, o Bayern venceu por 3 a 0, mesmo poupando alguns titulares para a partida da Champions League.

Os visitantes impuseram  a sua usual posse de bola durante a primeira etapa, entrando em campo com uma equipe mesclada, Jupp Heynckes escalou o jovem zagueiro de 18 anos Lukas Maie com o zagueiro Sule atuando na volância da equipe. Os bávaros  trocaram 500 passes e foi o que movimentou grande parte do tempo.

No entanto as chances de gol não foram tão numerosas, o goleiro Tschauner teve que trabalhar em cabeçada de Sandro Wagner após cruzamento de James Rodríguez. Não muito depois, Niklas Sule arrisca de fora da área exigindo do arqueiro boa defesa e depois em belo chute de primeira de Thiago Alcântara mas ficou nisso. Já o Hannover se preocupou em explorar contra-ataques, mas sem efetividade levando  perigo à meta de Ulreich somente uma vez, que fez boa defesa depois de uma falta cobrada na entrada da área, desviada por Niklas Fullkrug.

A partida manteve o mesmo padrão do primeiro tempo, no entanto o técnico bávaro já começou a partida trocando Robben por Thomas Muller e a mudança logo surtiu efeito. Recebendo na esquerda boa bola de James Rodríguez, o espanhol cruza rasteiro para o meio da área para Muller acertar de primeira e fazer 1 a 0 aos 12 minutos. Aos 28 minutos, Rudy cobrou escanteio na cabeça de Robert Lewandowski que havia entrado no lugar de Sandro Wagner e amplia o marcador. Sebastian Rudy completou o placar no apagar das luzes depois receber livre uma passe de Thomas Muller.

O resultado deixa os times nas mesmas colocações no campeonato. A equipe bávara só espera a entrega da Salva de Prata, e chega a 78 pontos na competição. O Hannover permanece na 13ª colocação com 36 pontos, no entanto, ainda não está matematicamente livre da zona de play-offs contra o rebaixamento.

Os bávaros miram agora a primeira partida da semifinal da Uefa Champions League em que enfrenta o Real Madrid na próxima quarta-feira (25) às 15h45, horário de Brasília, na Allianz Arena em Munique. Pela 32ª rodada da Bundesliga a equipe de Jupp Heynckes recebe o Eintracht Frankfurt também na Allianz Arena, no próximo sábado (28) às 10h30.

O Hannover enfrentará o Hoffenheim na próxima sexta-feira (27), fora de casa, abrindo a 32ª rodada da Bundesliga na Rhein-Neckar-Arena, às 15h30.