1-0, min. 37, Cueva. 2-0, min. 2, Farfán.
Na despedida de casa, Peru bate Escócia em primeiro teste para Copa do Mundo
Foto: Reprodução/@SeleccionPeru

Na despedida de casa, Peru bate Escócia em primeiro teste para Copa do Mundo

Partida contou com homenagens a Paolo Guerrero em diversas oportunidades; próximo compromisso da seleção será contra a Arábia Saudita, na Suíça, no próximo domingo (3)

mathenrique
Matheus Henrique

A Seleção Peruana teve o primeiro compromisso antes da viagem para disputa de sua primeira Copa do Mundo após 26 anos. Nesta terça-feira (29), o adversário foi a Escócia e os peruanos venceram por 2 a 0, com gols de Cueva e Farfán. A partida foi disputada em Lima, no Estádio Nacional do Peru.

Visando a preparação para o Mundial e dar a oportunidade dos torcedores mandarem boas energias para seus representantes, o Peru organizou seu primeiro teste contra uma Escócia sem grandes pretensões, já que não se classificou para a competição do mês que vem. Os peruanos também passavam pela primeira partida sem esperanças da volta de Paolo Guerrero, que encara nova punição pela substância encontrada em seu exame antidoping, realizado no ano passado. Antes do confronto, os jogadores da equipe entraram em campo com uma camisa desejando forças ao atacante.

Justo ou não, Ricardo Gareca não podia lamentar águas passadas e armou o time sem o ídolo, mantendo a base dos últimos jogos. No desenho tático, Farfán participou do jogo de forma mais centralizada, enquanto Cueva, Carillo e Edison Flores flutuavam por trás.

Como esperado num jogo amistoso, a partida não foi das mais agitadas, com muitos jogadores optando por se resguardarem fisicamente, tentando a formação de jogadas na base do passe e bola aérea. Sendo assim, o jogo ficou truncado e as chances de gol na primeira etapa foram escassas. Dentro de casa, o Peru tentou pressionar a equipe adversária com a ajuda de sua torcida, enquanto os visitantes optavam por não se retrair e faziam tentativas de ataque, principalmente na bola alçada na área. 

O grande lance de destaque ficou com o único gol da primeira etapa: aos 35 minutos, Trauco lançou Farfán em lance de infiltração, mas a bola ficou favorável ao goleiro Jordan Archer, que se enrolou com o zagueiro e a bola sobrou limpa para o artilheiro peruano. Ele chutou para o gol e o zagueiro Scott McKenna tentou intervir, mas pôs a mão na bola e o pênalti foi marcado. Na cobrança, Cueva bateu e marcou o gol. Na comemoração, mais homenagens a Paolo Guerrero, além do nascimento de seu filho.

O primeiro tempo se encerrou com vitória simples no placar. Na volta do intervalo, as equipes não fizeram substituições, mas o Peru voltou a todo vapor para aumentar a vantagem no placar. E logo aos dois minutos, a equipe da casa conseguiu seu objetivo. A dupla Farfán-Trauco novamente funcionou, desta vez em tabela improvisada, quando Farfán achou Trauco, que tentou por duas vezes devolver ao camisa 10. Quando a bola passou, ele não perdoou e fez o segundo gol da partida.

A partir daí, a partida tomou rumo para uma pegada mais leve do que a já encontrada, tomando ritmo de jogo-treino. A Escócia chegou a incomodar aos 19 minutos, quando a bola sobrou para Oliver McBurnie na pequena área após falha da zaga, porém, o atacante não esperava a oportunidade e não acertou a finalização como desejado.

Com o passar do tempo, os técnicos optaram por dar rodagem aos jogadores no banco de reservas, principalmente Gareca, optando por poupar os titulares e administrar o resultado. Com isso, a partida seguiu em ritmo leve até o apito final, marcando 2 a 0 para o Peru no placar.

Entre os pontos positivos do Peru, se destacou a rapida movimentação no ataque sem um centroavante fixo, além das boas subidas do lateral-direito Advíncula. Na esquerda, Trauco jogou mais avançado e não teve tantas responsabilidades na defesa, podendo ter mais evidência na partida. A zaga pouco foi incodada durante o confronto.

Sendo assim, a Seleção Peruana cerca seus olhos para a Rússia, na disputa do Mundial. Antes disso, terá dois testes pré-Copa: neste domingo (3), às 15h, os peruanos enfrentam a Arábia Saudita, na AFG Arena, na Suiça. Em seguida, no outro sábado (9), terá o teste final contra a Suécia, às 14h15, no Estádio Ullevi, em terras suecas.

O Peru se encontra no Grupo C, ao lado de França, Dinamarca e Austrália. Sua estreia será no dia 16/6, contra os dinamarqueses, em Saransk, às 13h.

VAVEL Logo
CHAT