Técnico da Suécia, Jan Andersson repudia uso do VAR após pênalti: "Situação era clara"
(Foto: Reprodução / FIFA)

Técnico da Suécia, Jan Andersson repudia uso do VAR após pênalti: "Situação era clara"

Suecos ganharam por 1 a 0 com o penal convertido pelo capitão Andreas Granqvist, mas a penalidade só foi marcada graças ao assistente de vídeo que corrigiu a falha do juiz

raisa-lima
Raisa Lima

Após a vitória da Suécia por 1 a 0 sobre a Coreia do Sul na estreia das seleções na Copa do Mundo na Rússia, nesta segunda-feira (18), o técnico Janne Andersson falou na coletiva de imprensa sobre a partida. Além disso, foi bastante questionado pelos jornalistas acerca do pênalti marcado com o auxílio do árbitro de vídeo e a táctica dos sul coreanos para confundirem os suecos.

Para o treinador, a penalidade convertida pelo capitão Andreas Granqvist que garantiu a vitória sueca foi explicita e não precisaria do uso do VAR, mas reconhece que o uso do árbitro de vídeo nesse lance foi importante para corrigir o juiz.

“Não queremos que o VAR precise agir numa situação tão clara como essa. Acho que deveria ter sido desnecessário, não houve dúvida que esse pênalti deveria ter sido marcado. Mas, se por algum motivo não foi, é ótimo que o VAR o tenha feito. Mas acho que foi muito claro, o árbitro estava bem colocado, o assistente também. Então foi bom que tivemos o VAR para corrigir”.

A respeito da tática do técnico sul coreano de trocar os números das camisas dos jogadores numa tentativa de enganar os suecos, Andersson disse que a estratégia não funcionou.

“Não sei se eles nos confundiram. Acho que o Lars Jacobsson [olheiro da Suécia] e outros que trabalharam separaram mais de 1.630 clipes que viraram 20 minutos de apresentação para os jogadores. Acho que eles poderiam reconhecer todos independentemente do número da camisa”.

Especificamente falando sobre a partida, o técnico ficou contente com o resultado:

“Foi um jogo muito físico, muito difícil. Estávamos um pouco cansados ​​no final, então tivemos que defender mais. Mas nós não sofremos um gol e jogamos como decidimos. Estou feliz com o resultado e a performance e estou orgulhoso dos meus jogadores. A única coisa que me arrependo é não conseguir marcar mais. [Marcus] Berg perdeu oportunidades, mas isso não me preocupa. Criamos muitas chances e estou confiante de que podemos ser mais eficazes nos próximos jogos. Definitivamente, o melhor jogador da Coreia do Sul de hoje foi o goleiro. Depois da derrota da Alemanha ontem, esta vitória pode ser ainda mais importante".

O capitão sueco, Andreas Granqvist, falou após a partida: "Mostramos excelente atitude em campo. Tivemos isso durante os play-offs contra a Itália. Somos uma equipe, realmente lutamos e corremos um para o outro ao longo de cada partida", disse.

Com o resultado, a Suécia empatou com o México com três pontos na liderança no Grupo F. A Alemanha e a Coreia do Sul terminam a primeira rodada da fase de grupos sem nenhuma pontuação.

Os suecos voltam a campo no próximo sábado (23) contra a atual campeã Alemanha, às 15h (horário de Brasília), no Estádio Olímpico de Fish, em Sochi. O confronto promete ser disputado já que os alemães ainda não pontuaram, devendo ir com força total para enfrentar a Suécia.

VAVEL Logo