Burnley empata com Aberdeen fora de casa nas eliminatórias da Liga Europa
Divulgação: Burnley FC

Burnley empata com Aberdeen fora de casa nas eliminatórias da Liga Europa

No seu retorno às competições Uefa após 51 anos, Clarets buscaram empate no final do jogo; Pope sai machucado e preocupa

MCoelho
Marcelo Coelho
ABERDEENPOPE (LINDEGAARD, 14), LOWTON, TARKOWSKI, MEE, WARD, CORK, WESTWOOD, HENDRICK (VOKES, 67), LENNON, GUDMUNDSSON, WOOD
BURNLEYLEWIS, LOGAN, SHINNIE, MCKENNA, MCGINN (WRIGHT, 79), MACKAY-STEVEN, COSGROVE (MAY, 77), DEVLIN, FERGUSON (GLEESON, 57), BALL, HOBBAN
PlacarMACKEY-STEVEN, MIN. 18. SAM VOLKES, MIN. 80.
INCIDENCIASPARTIDA VÁLIDA PELAS ELIMINATÓRIAS DA LIGA EUROPA, DISPUTADA NO ESTÁDIO PITTODRIE, NA ESCÓCIA.

Depois de esperar longos 51 anos para disputar uma competição europeia, o Burnley enfim estreou nas eliminatórias da Liga Europa, e voltaram com um empate da Escócia, onde enfrentaram o Aberdeen. Gary Mackay-Steven marcou de pênalti para os donos da casa, e Sam Volkes empatou no fim da partida.

O longo tempo longe dos campeonatos europeus não deixaram os jogadores do Burnley nervosos, e começaram atacando os escoceses. Os 10 minutos iniciais foram só de pressão inglesa, enquanto o Aberdeen recuava com duas linhas de quatro e se segurava como podia.

Mas acabou que foram os donos da casa que saíram na frente. Após Pope sair de campo machucado, o Burnley perdeu um pouco de confiança e viu Tarkowski derrubar Cosgrove na área, e o juiz marcar o pênalti. Mackay-Steven deslocou o goleiro e abriu o placar para o Aberdeen.

Com um primeiro tempo abaixo da expectativa, os Clarets voltaram para a última etapa dispostos a buscar o empate. Aos 51 minutos, Lewis fez boas defesas em ataque de Cork e Westwood, no rebote Lennon joga para fora.

Enfrentando uma forte defesa, o Burnley dominava a posse de bola e as jogadas perigosas, mas não conseguia transformar em gols. Foi quando Sean Dyche fez a substituição que mudaria o jogo dos Clarets: Sam Volkes entrou no lugar de Hendrick.

O atacante conseguiu furar o bloqueio escocês nos instantes finais da partida. Westwood viu Volkes se movimentar entre os defensores e tocou para ele; em boa condição, o camisa 9 encheu o pé para fazer o gol e evitar a derrota dos ingleses.

O decisivo jogo de volta acontecerá na próxima quinta-feira (2), no Turf Moor, em Burnley, às 15h45 no horário de Brasília.

VAVEL Logo