Pela 11ª vez seguida na semifinal, Bayern enfrenta Frankfurt por vaga à decisão na DFB Pokal
Foto: Divulgação/FC Bayern

Nas últimas três temporadas, o confronto entre Bayern de Munique x Eintracht Frankfurt ganhou destaque e relativa rivalidade pelo fato de ambas protagonizarem jogos importantes no recente histórico do futebol alemão. Nesta temporada, em partidas válidas pela Bundesliga, cada equipe goleou a outra em um confronto. Porém, pela DFB Pokal, a situação é um pouco diferente. Na decisão de 2018, as Águias levaram a melhor, venceram por 3 a 1 e conquistaram o título que não vinha há três décadas.

Mais uma vez, os clubes medem forças pela Copa da Alemanha. Desta vez, pela semifinal. O duelo irá acontecer às 15h45 desta quarta-feira (10) na Allianz Arena, em Munique. Os donos da casa estão na semifinal pela 11ª temporada consecutiva, querem estar na terceira final seguida e ainda desejam ampliar a hegemonia nacional. Por outro lado, os visitantes desejam novamente surpreender o adversário e disputar a terceira final nas últimas quatro edições da competição.

Pelo segundo torneio mais importante da Alemanha, os dois times se enfrentaram em cinco oportunidades, com três vitórias bávaras e duas das Águias. Ao longo da história, são 109 confrontos. O Bayern venceu 60 e marcou 217 gols, o Frankfurt ganhou 27 partidas e balançou as redes em 138 ocasiões, além de 22 empates.

Manutenção da força em todas as frentes

Líder da Bundesliga e com chances de conquistar o octacampeonato nacional neste fim de semana, semifinalista da Copa da Alemanha e invicto na Uefa Champions League. Esse é o resumo do Bayern de Munique neste ponto da temporada. Avassalador no coletivo e com recordes individuais, o Gigante da Baviera está pronto para mais uma partida decisiva. Com pouco tempo de intervalo entre os jogos, as mudanças feitas pelo técnico Hansi Flick devem ser poucas, apenas com o objetivo de recolocar peças que retornam de lesão com mais minutagem e descansar outras peças do elenco. Em entrevista coletiva, o comandante do Bayern destaca a experiência do adversário e afirma que o jogo não será nada fácil.

Foto: Divulgação/FC Bayern
Foto: Divulgação/FC Bayern

“Eintracht Frankfurt tem uma enorme experiência, principalmente em jogos de copa, seja na Uefa Europa League ou na DFB Pokal. Eles podem intensificar quando é importante para eles e é isso que eu estou esperando. Eles têm uma qualidade tremenda e jogam com muita paixão. Eles colocam o adversário sob pressão e disputam todas as bolas. Precisamos nos concentrar e manter os erros no mínimo. Abordamos esse jogo como qualquer outro e analisamos o Eintracht Frankfurt pela terceira vez na temporada. Eles são particularmente perigosos por bola parada. Temos que estar muito concentrados durante os 90 minutos – ou mais. A equipe conhece os pontos fortes de Frankfurt, mas também os seus. Claramente, queremos vencer o jogo e chegar à final, mas não será fácil”, explicou.

Pensar em 2018 para executar bem 2020

Diferente do que ocorreu em anos anteriores, o Eintracht Frankfurt tem um ano turbulento. A equipe é considerada boa, mas os resultados não seguiram o potencial do elenco e o time está distante do grupo que briga por vaga nas competições europeias. Por isso, vencer o Bayern de Munique e permanecer firme na disputa pelo título da DFB Pokal tem consequências momentâneas e futuras. O clube tem três desfalques para o confronto. Kostic está suspenso, Gelson Fernandes tem lesão na panturrilha e Gonçalo Paciência também está no departamento médico com contusão na coxa.

Foto: Divulgação/Eintracht Frankfurt
Foto: Divulgação/Eintracht Frankfurt

Em entrevista coletiva, o técnico Adi Hütter afirmou que a dificuldade é extrema em encarar o Bayern, mas tem em mente os bons resultados obtidos diante dos bávaros nos últimos anos – principalmente a final de 2018 – para destacar que o jogo é decidido durante os 90 minutos e que é a chance do clube.

“Abordamos algumas coisas boas e não tão boas e preparamos a equipe de acordo. O Bayern foi favorito em 2018 e sempre será. Venceu 19 dos últimos 20 jogos e empatou um. Mas queremos tornar o impossível possível. A equipe está entusiasmada e ansiosa. Caso contrário, nem deveríamos competir. Todo time pode ser quebrado em determinados momentos. Mas, mesmo nos bastidores, o Bayern de Munique está convencido de que pode marcar em qualquer situação. Mesmo assim, vencemos sete vezes nesta temporada, principalmente pelos padrões. Talvez possamos surpreendê-los novamente dessa maneira, mas também gostaríamos de procurar nossas possibilidades de dentro do jogo. Isso não será fácil, porque Munique tem uma contrapressão muito boa, é forte e sempre bom para uma solução divertida. É por isso que eles naturalmente confiam em sua própria classe e é por isso que eles precisam chegar à final, por assim dizer. Esta é a nossa chance”, declarou.

VAVEL Logo