Manchester United derrota Leicester City e garante vaga na Champions League
Foto: Divulgação/Premier League

A decisão para garantir vaga na próxima edição da Champions League foi decidida na 38ª rodada. Leicester City e Manchester United se enfrentaram, neste domingo (26), no último compromisso de ambas as equipes na Premier League. Em partida disputada no King Power Stadium, o United venceu por 2 a 0. Bruno Fernandes e Lingard marcaram os gols da classificação à competição europeia.

Toma lá, dá cá

A partida era fundamental para os dois times. O Manchester United começou a rodada na zona de classificação à UEFA Champions League, com 63 pontos. Com um ponto a menos, o Leicester City estava em quinto colocado e precisando da vitória para garantir vaga na competição europeia.

Quem chegou com perigo a primeira vez foram os donos da casa. Aos 14 minutos, Matić saiu jogando mal e Iheanacho recuperou a bola. O atacante tocou para Tielemans, que rolou para Ndidi chegar batendo. No entanto, a bola passou por cima do travessão de De Gea.

Os Foxes ainda voltaram a assustar aos 24. Em contra-ataque, Iheanacho partiu em direção ao gol e arriscou de fora da área. O chute saiu meio mascado e o goleiro dos Red Devils queimou roupa e a bola sobrou para Vardy, mas De Gea bloqueou o chute. Todavia, a arbitragem apontou impedimento do camisa nove do Leicester.

Aos 32 minutos, o United chegou a balançar as redes. Pogba deu um passe magistral a Bruno Fernandes, que matou no peito e chutou cruzado para o fundo dos gols. Entretanto, o português estava em posição irregular e a arbitragem anulou o gol dos visitantes.

Na sequência, em mais um contra-ataque, Iheanacho acionou Tielemans na entrada da área. O meia arriscou um chute colocado no cantinho, e a bola saiu tirando tinta da trave esquerda.

O United ainda teve chance de inaugurar o marcador ainda na primeira etapa. Nos acréscimos, após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Rashford e finalizou para o gol, mas Schmeichel fez grande defesa e salvou o Leicester.

Pênalti duvidoso e gol decisivo no último minuto

Os mandantes precisaram de apenas 15 minutos para assustar o Manchester United. Tielemans cobrou falta, Vardy se antecipou da marcação e desviou de cabeça. A bola estava encobrindo De Gea, mas tocou no travessão antes de sair pela linha de fundo.

Aos 23 minutos, Martial recebeu dentro da área foi atropelado. A arbitragem marcou pênalti e advertiu Evans com cartão amarelo. No entanto, o pênalti a favor dos Red Devils gerou muita polêmica.

O VAR entrou em ação para analisar se o zagueiro tinha tocado na bola antes de entrar em contato com Martial. Mesmo após a análise, Martin Artkinson manteve sua decisão. Bruno Fernandes foi à cobrança, tirou Schmeichel da foto e colocou o United na frente do placar

Nos últimos minutos de acréscimos, Schmeichel perdeu a bola para Lingard, que finalizou para colocar a tampa no caixão e garantir de vez a classificação à próxima edição da Champions League.

Como fica a tabela?

Com a vitória, o Manchester United se manteve na terceira colocação e garantiu vaga na próxima edição da Champions League. O Leicester City permaneceu na quinta colocação e teve de se contentar com vaga na Europa League.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo