Cristiano Ronaldo marca dois, mas Juventus é eliminada pelo Lyon
Lyon comemora, Juventus é eliminada (UEFA/Divulgação)

Acabou o sonho do tricampeonato europeu da Juventus. No Allianz Stadium, a Vecchia Signora foi eliminada pelo Lyon, mesmo vencendo por 2 a 1, nesta sexta-feira (07). Como a partida de ida teve vitória francesa por 1 a 0, o resultado não foi suficiente para os italianos conseguirem avançar. 

Em primeiro tempo marcado por dois polêmicos pênaltis, a metade inicial de jogo terminou empatada: 1 a 1. Nos últimos 45 minutos, Cristiano Ronaldo (que já havia empatado o cotejo para a Juventus), virou. O gol de Memphis Depay, porém, foi determinante para a classificação lionesa.

Virada insuficiente

O jogo começou com o Lyon buscando um gol que lhe daria muita tranquilidade. Se marcasse, os mandantes precisariam de três tentos para avançar. E foi exatamente isso que aconteceu aos 11. Rodrigo Bentancur derrubou Houssem Aouar na área. Após conferir no VAR, o árbitro Felix Zwayer anotou a penalidade máxima, convertida por Depay no meio do gol - Wojciech Szczesny caiu para a direita. 

A Juventus partiu para o ataque. Aos 19, Bernardeschi arriscou de longe e a bola passou por cima do travessão. Seis minutos depois, Cristiano Ronaldo caiu na área e pediu pênalti após choque com Jason Denayer. O árbitro nada marcou.

Os últimos minutos do primeiro tempo foram aceleradíssimos. Aos 40, Cristiano Ronaldo cobrou falta no ângulo esquerdo e Anthony Lopes foi buscar. No minuto seguinte, após finalização de Miralem Pjanic, a bola bateu no braço de Depay. Após muita reclamação dos juventinos, o árbitro foi ao VAR e anotou o pênalti. Cristiano Ronaldo cobra no canto direito de Lopes - que acerta, mas não impediu o tento.

Precisando de dois gols, a Juventus saiu em busca do resultado. A primeira chegada com perigo aconteceu aos 15, e já tirando metade do caminho para a classificação. Cristiano Ronaldo recebeu na extrema direita e mandou um torpedo. Lopes foi na bola, mas não conseguiu espalmar.

Apesar da alta posse de bola (67% na segunda etapa) e da presença ofensiva (oito finalizações no gol, o dobro do rival), a Juventus foi pouco efetiva, Tanto que, aos 34 minutos, após confusão na área, Moussa Dembélé caiu na área após choque com Leonardo Bonucci. Após mais uma checagem ao VAR, nada foi marcado.

Classificação e próximos jogos

Eneacampeã de fato italiana, a Juventus aguarda a tabela da temporada 2020-21. Já o Lyon enfrenta o Manchester City no próximo sábado (15), às 16h (horário de Brasília), no estádio José Alvalade.

VAVEL Logo