Sem Neymar nem Mbappé, PSG estreia na Ligue 1 diante do Lens
Foto: Divulgação / Paris Saint-Germain

Duas semanas após disputar a final da Champions League, o atual campeão PSG inicia a temporada 2020/21 da Ligue 1 nesta quinta-feira (10), quando encara o Lens no Estádio Bollaert-Delelis. A bola vai rolar às 16h (de Brasília).

O retrospecto dos times na Ligue 1 inclui 40 jogos, sendo 16 vitórias do PSG, 12 empates e 12 derrotas. Quando joga em casa, no entanto, há um equilíbrio no confronto, visto que cada clube venceu seis vezes.

Único time com 100% nas primeiras duas rodadas, o Nice lidera o Campeonato Francês. Bordeaux, Monaco e Rennes completam o G4.

Lens ainda não venceu no Francês

Uma das vitórias do Nice foi justamente contra o Lens, que foi à Riviera Francesa e perdeu por 2 a 1. Kakuta fez de pênalti o único gol do time visitante. O time é comandado por Franck Haise, que assumiu em fevereiro.

"Senti um grupo focado nos treinamentos, jogadores comprometidos com o que apresentamos. Mesmo com desfalques o PSG tem um elenco de muita qualidade, com jogadores de seleção, então vamos trabalhar para buscar um resultado positivo"

Provável escalação do Lens: Jeca; Badé, Sylla, Medina, Gradit; Michelin, Kakuta, Doucouré; Cahuzac, Banza e Ganago.

PSG desfigurado na estreia

Sete titulares do PSG estão fora da partida: o goleiro Keylor Navas, o zagueiro Marquinhos, o meio-campista Paredes e os atacantes Di María, Icardi, Mbappé e Neymar. Eles foram diagnosticados com a Covid-19 e cumprem o isolamento de acordo com o protocolo de segurança estabelecido pela Ligue 1.

O time de Paris deve entrar em campo com o terceiro goleiro, o polonês Marcin Bulka, de 20 anos. Ele substitui o reserva imediato Sergio Rico, que voltou aos treinos nesta semana e será poupado. Outro jovem que deve ganhar oportunidade é o atacante Kalimuendo.

Como está voltando de férias e não houve tempo hábil para disputar amistosos, a falta de ritmo de jogo é uma das preocupações do técnico Thomas Tuchel.

"O Lens uma primeira partida muito boa contra o Nice, e poderiam ter vencido. Eles jogam no 5-2-1-2, compactos no meio e atrás, sua defesa é ativa e intensa. Não vai ser fácil, nosso último jogo foi na final da Champions League, será difícil reencontrar o ritmo de imediato. Queremos vencer sempre e confio no meu elenco, então vamos dar nosso melhor em campo, ainda que isso não seja o máximo que podemos atingir".

Provável escalação do PSG: Bulka; Bernat, Kehrer, Kurzawa e Kimpembe; Gueye, Ander Herrera, Verratti; Sarabia, Kalimuendo e Draxler.

VAVEL Logo