Real Madrid vence Cádiz no sufoco e segue na cola da liderança
Foto: Divulgação / Real Madrid C.F

O Real Madrid segue próximo do Barcelona na LaLiga após derrotar o Cádiz pelo placar de 2 a 1, no Estádio Santiago Bernabéu. Mesmo sem dá espetáculo, os Merengues foram cirúrgicos e, com gols do brasileiro Militão e uma pintura de Toni Kroos na etapa final, garantiram os três pontos na briga pelo título.

  • Militão inaugura o placar

Dado o apito inicial, o Real começou com muito nervosismo, um exemplo foi o Vini que reclamou de uma falta na direita. No lado do adversário, muita marcação que bloqueava a investida dos donos da casa, com tudo isso tivemos poucas emoções nos primeiros minutos. 

Apenas por volta dos 20' que o time madrilenho conseguiu se desvencilhar do muro defensivo e obteve a primeira conclusão. Em uma batida de longe do Valverde, a bola passou raspando a trave, assustando o goleiro visitante.

Portanto, a pressão seguia e finalmente os merengues conquistaram a vantagem no marcador quase nos acréscimos. Em escanteio cobrado na esquerda, a defesa afastou e, Toni Kroos cruzou na cabeça de Eder Militão que apareceu sozinho e mandou para o fundo da rede, terminando a primeira etapa com 1 a 0.

  • Toni Kroos decide e confirma a vitória madrilenha

Diferentemente da primeira etapa, os dois times voltaram criando chances de ambos os lados. Primeiramente no lado do Cádiz que em uma boa troca de passes, Lozano lançou o Sobrino que mesmo sem ângulo tentou tocar na saída de Cortouis que afastou o perigo. O Madrid respondeu logo em seguida com Valverde que tabelou com Lucas Vazquez e bateu de chapa, mas antes que a bola entrasse , o lateral Carcelén salvou, evitando o segundo tento. 

O Real continuava impondo a sua superioridade, mesmo sem um pressão intensa, mas aos 25 transformou em bola na rede e com um belo gol. Em levantamento do escanteio, Vini pegou a sobra na esquerda e tentou cruzar, mas a defesa afastou e Toni Kross meteu uma chicotada de primeira e a criança morreu no cantinho: 2 a 0. 

Com o cansaço tomando conta, o time madrilenho buscava o contra ataque e aos 40 perdeu um gol inacreditável. Vini avançou em velocidade na esquerda e tocou com capricho para o Modric que  sem ninguém na meta, conseguiu mandar pra fora  o lado direito do poste. E o castigo veio logo depois quando Negredo bateu firme e diminuiu a contagem: 2 a 1. Após o desconto no marcador, os visitantes ainda tentaram um empate, mas sem organização nenhuma, então os madridistas se seguraram e no final comemoram o triunfo sofrido.

  • Classificação e sequência

Na vice-liderança com 35 pontos, o Real Madrid entrará de férias por causa da Copa do Mundo e só volta a campo no dia 31 de dezembro diante do Valladolid. Enquanto o Cádiz vive uma situação difícil na penúltima colocação e enfrenta o Real Únion, neste domingo (13), pela Copa do Rei.

 

VAVEL Logo