Borussia Mönchengladbach renova contrato do técnico André Schubert

Vínculo do treinador, que iria até o final da atual temporada, foi prorrogado até junho de 2019

Borussia Mönchengladbach renova contrato do técnico André Schubert
Foto: Reprodução/Borussia

O Borussia Mönchengladbach estendeu o contrato atual de André Schubert por mais duas temporadas, mantendo-o no clube até junho de 2019. O contrato original do comandante dos Potros expiraria ao final da atual temporada.

O diretor esportivo do Borussia, Max Eberl, falou sobre o trabalho realizado por Schubert: “André está fazendo um trabalho muito bom aqui. Ele proporcionou participação na Champions League para o clube e nós conquistamos 65 pontos em 34 partidas em que ele esteve no comando. É uma marca extraordinária”, salientou o diretor. Lars Stindl, capitão da equipe, também discorreu sobre o assunto: “Nós parabenizamos o treinador. Estamos felizes em continuar com ele nos próximas anos”, enfatizou o meia-atacante.

André Schubert chegou a Mönchengladbach em julho de 2015 como treinador da equipe sub-23 do Borussia, no entanto, devido a saída de Lucien Favre, assumiu como comandante interino em Setembro do mesmo ano. Após seis vitórias e um empate na Bundesliga, além de atuações convincentes na Champions, o clube ofereceu um contrato permanente para André.

Com Schubert no comando o Gladbach alcançou o 4º lugar no Campeonato Alemão, assegurando assim uma vaga nos playoffs da Champions League, onde eliminou o Young Boys e retornou à fase de grupos pela segunda temporada consecutiva. O Borussia atingiu uma marca de 1.91 pontos por jogo sob o comando de Schubert – nenhum outro treinador dos Potros jamais alcançou esse nível de sucesso.

O atual comandante também possui outras importantes marcas, tais como as 20 vitórias em 34 partidas na Bundesliga, número superior a temporada 1976/1977 (17 vitórias), último ano em que os Potros conquistaram a Bundesliga. Além disso, André possui a incrível marca de 16 triunfos em 18 partidas no comando do M’Gladbach atuando no Borussia-Park.

Com a confiança da direção esportiva do clube, Schubert tem a missão de dar continuidade ao desenvolvimento do Borussia Mönchengladbach, que conquistou qualificações para competições europeias em quatro das últimas cinco temporadas, desde que evitou o rebaixamento em 2010-2011.