Berillo Júnior é suspenso da presidência do Conselho Deliberativo do Náutico por seis meses
Berillo Júnior foi presidente do Executivo do Náutico no biênio 2010-2011 e está na presidência do Conselho Deliberativo do clube desde 2012, com mandato até o fim de 2015 (Foto: timbunet.com.br)

Na noite desta segunda-feira (17), uma reunião envolvendo conselheiros do Clube Náutico Capibaribe foi realizada na sede social da agremiação. O assunto em questão era a situação de Berillo Júnior, presidente do Conselho Deliberativo da instituição. Uma votação definiu o futuro do mandatário e seu destino acabou sendo o afastamento do cargo pelo período de seis meses.

Apesar de Berillo ser acusado de um erro grave - não repassou R$ 260 mil ao centro de treinamento do Náutico nos últimos dois anos -, o resultado da votação esteve longe de ser unânime e foi apertado: 24 a 20. Também havia a opção de impeachment, mas esta foi descartada. O dirigente ficará suspenso da presidência do CD alvirrubro até o dia 18 de agosto.

Com a punição, quem assumiria o Conselho Deliberativo do clube seria o vice Eduardo Turton. Entretanto, ele está licenciado do cargo e caso opte por continuar afastado do Timbu, será convocada uma eleição a qual decidirá o substituto interino de Berillo Júnior.

Perguntado sobre o que pensava a respeito do resultado, Berillo, que também é ex-presidente do setor executivo do CNC, afirmou respeitar a decisão dos conselheiros timbus e desabafou. "Errei, mas quem não erra?", questionou.

VAVEL Logo