Grêmio goleia Veranópolis sem piedade e garante classificação às semifinais
Foto: (Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação)

Na tarde deste sábado (8), Grêmio e Veranópolis disputaram o segundo jogo das quartas de finais do Campeonato Gaúcho 2017. Do confronto, o Grêmio ou Veranópolis avançaria para as semifinais, para enfrentar Novo Hamburgo ou São José, que definem no Estádio do Vale. O Grêmio foi arrasador desde os primeiros instantes e conseguiu sacramentar a classificação com uma goleada por 5 a 0. O ataque funcionou e balançou as redes com Bolaños, Barrios, Luan, Pedro Rocha e Edilson.

O Tricolor aguarda agora o resultado da partida entre Novo Hamburgo e Sãp José, às 19 horas, no Estádio do Vale, para saber quem enfrenta nas semifinais.

Vantagem tricolor desde o início

No primeiro jogo das quartas o Grêmio havia vencido o Veranópolis por 2 a 0 e trazia vantagem para o jogo de volta, podendo perder por até um gol de diferença. Já o VEC precisava correr atrás do placar e vencer por no mínimo 3 gols de diferença, ou então 2, desde que a partir de 3 a1.

Mesmo com a vantagem do empate e até mesmo a derrota, o Tricolor entrou em campo com apenas uma mudança – Michel no lugar de Maicon, que está lesionado. Logo no primeiro minuto de jogo o meio-campista, Miller Bolaños, abriu o placar ao encobrir o goleiro Reynaldo e ampliar a vantagem pro time da casa.

Agora a situação para o Veranópolis era ainda pior, o time também entrou em campo com uma alteração – Gustavo no lugar de Jean Carlos. Jogo difícil para o VEC que aos 4 minutos teve o primeiro jogador amarelado, o lateral Jadson fez falta forte em Léo Moura e foi advertido. Fora das quatro linhas, o técnico Tiago Nunes demonstrava irritação e o árbitro da partida, Leandro Vuaden, pediu calma ao comandante.

Apesar da vantagem, agora ainda maior, o Grêmio pressionava bastante e não deixava o Veranópolis jogar, trocava passes tranquilamente e chutou com perigo aos 10 e 12 minutos. Aos 16', o zagueiro Douglão chegou por trás do gremista Pedro Rocha e recebeu amarelo, o segundo para o Veranópolis só no primeiro tempo.

O VEC perdeu acalma e se atrapalhou em campo e deu chance pro Grêmio tentar o segundo na falha de Douglas, que no cruzamento com Luan recuou mal a bola para o goleiro. Aos 29, Luan após tabelar com o equatoriano Bolaños, estufou a rede e marcou o segundo.

Ainda no primeiro tempo, o Grêmio pressionou muito o adversário que não teve chances. A concentração tricolor em campo era grande e coube ainda mais um gol, aos 43 minutos, com Pedro Rocha que chutou no lado esquerdo do goleiro. A primeira metade encerrou com poucas falhas do Tricolor, placar de 3 a 0 e fome para mais: “Temos que manter o ritmo. A vantagem é boa, mas não podemos baixar”, afirmava Marcelo Oliveira na ida para o intervalo.

Quem também comentou o primeiro tempo foi o meio campista Keké, do Veranópolis “Tivemos uma falha. Levamos três gols e agora ficou difícil”, salientou no caminho para o vestiário.

Grêmio segue arrasador e elimina o Veranópolis

O VEC voltou a campo com mudanças: Murilo no lugar de Jadson e o meio campista Wilian Favoni no lugar do atacante Gustavo. No outro lado, permanecia tudo igual.

O visitante tentou pressionar, mas o Grêmio seguia embalado. Aos 5 minutos do segundo tempo, Luan mirou a cobrança de falta no canto superior esquerdo do goleiro Reynaldo, mas mandou para fora.  Em seguida o lateral Murilo do VEC fez falta forte em Edílson e recebeu amarelo. Na sequência, o técnico Renato Portaluppi tirou Luan para a entrada de Lucas Barrios.

O Grêmio dominava a partida e o jogo esfriou. No outro lado, o Veranópolis não conseguia crescer no jogo para buscar mudança no placar e a chance para as semis acabava. Aos 24, Lucas Barrios deixou o seu, e marcou o quarto para o Grêmio.

Mais mudanças: no lado do VEC ,saiu Athos para a entrada de Daniel Baloy e no Grêmio entrou Gastón Fernández no lugar de Bolaños – que disputa a artilharia do Gauchão.

Na área do Veranópolis, o zagueiro Douglão deixou o braço e o árbitro marcou pênalti para o time da casa. Edílson cobrou no canto esquerdo, o goleiro tentou mas não alcançou e o marcador foi para 5 a 0. O Veranópolis recebeu mais um cartão amarelo, pela falta do meio campista Jonatan Lima em Ramiro e ainda tentava marcar, mas a zaga do Grêmio não deixava passar nada e garantia a goleada.

Fim de jogo! Sem acréscimo, o árbitro encerrou a partida aos 45 minutos com o marcador em 5 a 0 para o Grêmio, que avança as semifinais da competição.

VAVEL Logo