Guia VAVEL do Brasileirão 2018: Atlético-MG
Fotomontagem: Rodrigo Rodrigues/VAVEL Brasil

Guia VAVEL do Brasileirão 2018: Atlético-MG

Sob comando de Thiago Larghi, Alvinegro retoma bom futebol e vive seu melhor momento na temporada 2018

laracpereira
Lara Pereira

Vice-campeão do Campeonato Mineiro, o Atlético segue em fase de crescimento na temporada 2018. Após o início de ano conturbado, o técnico Oswaldo de Oliveira deixou o comando do Alvinegro e deu lugar ao treinador interino Thiago Larghi. Sob comando do jovem comandante, o Atlético encontrou um modelo de jogo a se seguir e dá esperança ao torcedor alvinegro para as competições que estão por vir.

O Brasileirão, a Copa do Brasil e a Sul-Americana são as competições que o Galo disputará ao longo do ano. Ainda com muito trabalho a ser feito à frente da equipe, o Galo de Larghi conseguiu apresentar um bom futebol, mas segue em constante evolução.

Campanha do começo de 2018

O Atlético começou a temporada deixando a desejar. Ainda com Oswaldo de Oliveira à frente da equipe, o Galo sofreu críticas do torcedor sobre o mau desempenho apresentado dentro de campo. Após o empate com o Atlético-AC, pela Copa do Brasil, o treinador foi sacado do comando e Thiago Larghi passou a ser o comandante da equipe, ainda que de forma interina. O começo promissor do time comandado por Larghi rendeu o vice no Campeonato Mineiro e a volta do bom futebol cobrado pela torcida.

Ricardo Oliveira é destaque no Alvinegro mineiro (Foto: Divulgação/Atlético)
Ricardo Oliveira é artilheiro do Alvinegro mineiro (Foto: Divulgação/Atlético)

Contratações

A palavra do ano é reformulação. Após perder peças-chave do elenco, o presidente Sérgio Sette Câmara investiu na reformulação da equipe alvinegra. Foram sete reforços anunciados para a temporada 2018: os atacantes Ricardo Oliveira, Róger Guedes, Erik, o volante Arouca, o meia Tomás Andrade, o zagueiro Iago Maidana e o lateral Samuel Xavier. Sette Câmara ainda mira reforços pontuais para o início de Brasileirão.

Foto: Divulgação/Atlético
Foto: Divulgação/Atlético

Campanha em 2017

A temporada passada foi abaixo do esperado para o torcedor alvinegro. O Galo disputou quatro competições: Campeonato Mineiro, Copa do Brasil, Brasileirão e Copa Libertadores. No Estadual, o Alvinegro superou o rival celeste e ficou com o título da competição. Apesar do bom começo na Libertadores, o Galo perdeu sua força e foi eliminado para o Jorge Wilstermann nas oitavas de final.

Já pela Copa do Brasil, o Atlético foi eliminado nas quartas de final para o Botafogo. No Brasileirão, a equipe mineira terminou na nona colocação e ficou de fora da zona de classificação para a Libertadores 2018.

O que esperar? 

Com a evolução nos últimos jogos, o que se pode esperar do Atlético é uma equipe competitiva. Apesar do pouco repertório no banco de reservas, Larghi tenta impor um padrão de jogo para sua equipe. Com toques de Guardiola, o Galo de Larghi privilegia o passe e a manutenção da posse de bola para fazer sua construção de jogo.

Escalação

Destaque: Otero

Dono das bolas paradas desde a temporada passada, o meia venezuelano começou o ano com o pé calibrado. Apesar de ainda não ter feito um gol de falta, Otero é líder de assistências da equipe: são nove passes até o momento para seus companheiros.

Foto: Divulgação/Atlético
Foto: Divulgação/Atlético

Fique de olho: Cazares

Velho conhecido da torcida, o equatoriano Cazares vive um ótimo momento com a camisa alvinegra. Desde a chegada de Larghi, o meia vem crescendo de rendimento e é fundamental nas construções de jogadas do Atlético.

Foto: Divulgação/Atlético

Técnico: Thiago Larghi

Há pouco mais de dois meses à frente da equipe, Thiago Larghi deu uma nova cara ao time. O jovem treinador de 37 anos aposta em um Atlético que privilegia o passe e não é adepto aos cruzamentos e 'chutões', ao contrário do time proposto no início de temporada. Apesar de ainda estar em evolução, com Larghi, Cazares e Adilson se tornaram peças fundamentais da espinha dorsal do elenco. 

Foto: Divulgação/Atlético
Foto: Divulgação/Atlético

Estádio: Arena Independência 

Casa usual do Atlético-MG, o Galo mandará suas partidas na arena até a construção de seu novo estádio. Conhecido como 'cemitério do Horto', o Alvinegro tem a missão de voltar a fazer jus ao apelido dado pela torcida.

Foto: Divulgação/Atlético
Foto: Divulgação/Atlético
VAVEL Logo

    Atlético MG Notícias

    há 5 dias
    há 9 dias
    há 13 dias
    há 14 dias
    há 14 dias
    há 14 dias
    há 20 dias
    há 22 dias
    há 24 dias
    há 25 dias
    há um mês