Após empate no Gre-Nal, Renato critica postura do Inter: "Joga como pequeno"

Comandante gremista avaliou partida e comparou estilo de jogo defensivo do adversário à time de 'segunda divisão'; Clássico terminou empatado em 0 a 0 na Arena do Grêmio

Após empate no Gre-Nal, Renato critica postura do Inter: "Joga como pequeno"
Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O Grêmio comandou a partida, mas não saiu do empate em 0 a 0 contra o Internacional na tarde deste sábado (12). Após o jogo, o comandante da equipe tricolor, Renato Portaluppi, comentou a postura da sua equipe no duelo, criticou a arbitragem e o rival.

Hoje não estivemos tão bem nas finalizações. O Internacional fez um ferrolho em frente a área. Quando conseguimos passar, o goleiro deles defendeu, e tivemos três pênaltis não marcados. Nem sempre vamos conseguir furar o bloqueio. Foi um time de primeira divisão contra um de segunda divisão. Se fosse torcedor do Internacional, não estaria satisfeito com a postura, mas estão no direito deles”, alfinetou.

Em campo, o Grêmio teve maior posse de bola, enquanto o Internacional adotou uma postura mais conservadora. O técnico voltou a comentar o estilo de jogo do adversário e elogiou o desempenho de sua equipe.

Não tenho nada a ver com que forma o Internacional tem de jogar, pode jogar do jeito que quiser, mas joga como time pequeno. Falo como torcedor do Grêmio que toda hora da volta olímpica, vai para cima dos adversários. Meu time não joga com medo", reiterou.

Apesar das declarações polêmicas, Renato concluiu alegando que foram críticas construtivas. Ele ressaltou que o adversário é um clube grande e com torcida.

Fico surpreso que o Internacional é grande, tem uma torcida imensa. Tenho visto eles jogar e me coloco no lugar do torcedor. Se alguém tivesse que ter saído com a vitória, seria o Grêmio. Se houvesse pênalti no Cortez, o Internacional teria que sair de trás, aí seria diferente, porque deixam muito espaço", analisou.

O Grêmio volta a campo na próxima terça-feira (15), quando enfrenta na Venezuela o Monagas, pela Libertadores, às 21h30. Pelo Brasileiro, o Tricolor visita o Paraná, no domingo (20), às 16h.