Atlético-MG derrota Seleção Brasileira Sub-20 em jogo-treino na Cidade do Galo

Ricardo Oliveira, duas vezes, Denilson, David Terans e Erik marcaram os gols do Galo contra o Brasil Sub-20; Seleção Brasileira teve Emerson e Alerrandro, jogadores que atuam pelo Atlético, e que foram convocados pelo técnico Carlos Amadeu

Atlético-MG derrota Seleção Brasileira Sub-20 em jogo-treino na Cidade do Galo
Foto: Bruno Cantini/Atlético

No primeiro teste do Atlético na parada para a Copa do Mundo, o Galo derrotou a Seleção Brasileira Sub-20 por 5 a 3, na Cidade do Galo. O atacante Ricardo Oliveira marcou duas vezes, Denilson, David Terans e Erik completaram o placar para o alvinegro. Jhonny Lucas, Alerrandro - jogador do Galo convocado pelo selecionado - e Alan marcaram para o Brasil. 

Em relação a ultima partida do Atlético pelo Campeonato Brasileiro, contra o Ceará, o time começou o jogo-treino com quatro mudanças. zagueiro Juninho, volantes Matheus Galdezani e Elias, além do único reforço que estreou, o meia Yimmi Chará. O Galo começou com Victor; Patric, Bremer, Juninho e Fábio Santos; Matheus Galdezani, Elias, Yimmi Chará, Luan e Róger Guedes; Ricardo Oliveira. 

No primeiro tempo, o Galo saiu na frente com Ricardo Oliveira, após cruzamento de Fábio Santos, aos 17 minutos. Um minuto depois, o goleiro Victor falhou na saída de jogo com os pés e o atacante Jhonny Lucas empatou para o Brasil. A Seleção Brasileira quase virou com Jonas Toró, após boa jogada e arremate no ângulo.

Chará estreou atuando pela direita. Foto: Bruno Cantini/Atlético

O Atlético era melhor, mas apresenta jogo, em sua maioria, pelo lado direito, com os avanços de Patric e Chará, que buscavam entrosamento. No final do primeiro tempo, Chará fez jogada pelo meio e rolou para Ricardo Oliveira bater forte contra o gol de Gabriel Brazão, finalizando a etapa inicial.

No segundo tempo, o Atlético entrou todo modificado, com exceção de Patric, e as estreias de José Welison, David Terans, Edinho e Denilson. O Galo foi a campo com Cleiton; Patric, Maidana, Matheus Mancini e Carlos Gabriel; Lucas Cândido e José Welison; Tomás Andrade, David Terans e Edinho; Denilson. 

Dupla Denilson e David Terans também deixaram boa impressão. Foto: Bruno Cantini/Atlético

Dos jogadores relacionados para este jogo-treino, o volante Arouca e o meia Cazares não foram utilizados. Ambos treinaram a parte em outro campo da Cidade do Galo. Arouca foi liberado para acertar contrato com o Vitória. Cazares desperta interesse do futebol árabe.

Na Seleção Brasileira, a novidade foi o atacante Alerrandro, formado nas categorias de base do Atlético, e que foi convocado pelo técnico Carlos Amadeu para participar do selecionado. Mostrando faro de gol, o centroavante empatou o jogo-treino, após erro de Matheus Mancini. Outros jogadores do Galo que atuaram pelo Brasil foi o lateral-direito Emerson e o zagueiro Matheus Stockl.

Edinho entrou e agradou jogando pela direita. Foto: Bruno Cantini/Atlético

Dois minutos depois, após cruzamento de Edinho, que atuou aberto pelo lado direito, Denilson escorou para as redes, recolocando o Galo na frente do placar. Aos 30, novamente Edinho na armação das jogadas. O meia cruzou e Terans, de peixinho, cumprimentou a bola para o fundo das redes. 

Após o gol, o técnico Thiago Larghi processou outras três mudanças. Entraram o goleiro Michael Fracaro no lugar de Cleiton, o lateral-direito Talsson na vaga de Patric, e Erik na posição de Terans, e Bruno Roberto ocupando a vaga de Edinho. Mesmo com as mudanças, ainda teve tempo para a Seleção Brasileira diminuir o placar. Alan, cobrando falta por baixo da barreira - fazendo lembrar Ronaldinho Gaúcho -, fez o terceiro gol do Brasil 

O Atlético fechou o marcador aos 43 minutos. O atacante Denilson foi lançado em velocidade e dividiu com o goleiro do Brasil. Na sobra, o próprio Denilson tocou de calcanhar e Erik marcou para o Galo.