Com um gol em cada tempo, Corinthians vence Cruzeiro em amistoso no Mineirão
Foto: (Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians)

Com um gol em cada tempo, Corinthians vence Cruzeiro em amistoso no Mineirão

Romero e Pedro Henrique marcaram; as equipes ainda se enfrentam em São Paulo, na casa do Timão

sandro
Sandro Vieira
Cruzeiro1° tempo: Fábio; Edílson, Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Silva, Robinho, Thiago Neves, Rafinha e Rafael Sóbis. // 2° tempo: Rafael, Ezequiel, Manoel, Murilo, M. Hermes, Romero, Ariel Cabral, Lucas Silva, Mancuello, Patrick Brey e Sóbis - Técnico: Mano Menezes.
Corinthians1° tempo: Walter, Mantuan, Balbuena, Henrique, Sidcley, Gabriel, Renê Júnior, Romero, Rodriguinho, Clayson, Róger. // 2° tempo: Caíque, Paulo Roberto, Pedro Henrique, Léo Santos e Danilo Avelar; Ralf, Thiaguinho, Pedrinho, Jadson e Marquinhos Gabriel; Bruno Xavier (Danilo) - Técnico: Osmar Loss
Placar0-1, min. 13, Romero. 0-2, min. 29, Pedro Henrique.
INCIDENCIASPartida amistosa disputada no Estádio do Mineirão - Minas Gerais.

Nesta quarta-feira (04) o Corinthians viajou até Belo Horizonte-MG para enfrentar o Cruzeiro em partida amistosa de intertemporada e venceu por 2 a 0. Romero - aniversariante da noite - no primeiro tempo e Pedro Henrique no segundo, anotaram os gols da partida.

Na pausa para a Copa do Mundo as diretorias de Cruzeiro e Corinthians organizaram duas partidas, a primeira no Mineirão - com vitória do Timão - e a segunda em São Paulo na próxima quarta dia 11. Com os atletas descansados, os treinadores Osmar Loss e Mano Menezes puderam tirar algumas duvidas para o restante da temporada.

O Timão iniciou a partida com: Walter, Mantuan, Balbuena, Henrique, Sidcley, Gabriel, Renê Júnior, Romero, Rodriguinho, Clayson, Róger.

Já os donos da casa entraram em campo com: Fábio; Edílson, Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Silva, Robinho, Thiago Neves, Rafinha e Rafael Sóbis.

Com as equipes consideradas titulares, o Corinthians teve vantagem em relação a Raposa de Minas. O Timão conseguiu ter mais posse e chegou com perigo a meta defendida por Fábio.

O gol Alvinegro começou a ser desenhado após um excepcional lançamento do goleiro Walter para Clayson, que ajeitou para Romero com espaço suficiente para ajeitar e bater na saída de Fábio. A duvida do lance foi a posição de Clayson no momento do passe, para os mineiros, posição irregular do ponta alvinegro.

Na segunda etapa as equipes vieram com muitas mudanças. Osmar Loss mudou os 11 jogadores iniciais e ainda colocou Danilo no final do segundo tempo. Mano Menezes manteve Sóbis, mas também mudou grande parte dos atletas.

O time Paulista voltou com: Caíque, Paulo Roberto, Pedro Henrique, Léo Santos e Danilo Avelar; Ralf, Thiaguinho, Pedrinho, Jadson e Marquinhos Gabriel; Bruno Xavier (Danilo).

O Cruzeiro teve: Rafael, Ezequiel, Manoel, Murilo, M. Hermes, Romero, Ariel Cabral, Lucas Silva, Mancuello, Patrick Brey e Sóbis.

Atrás do placar, o Cruzeiro voltou melhor para o segundo tempo e pressionou o goleiro Caique França que precisou trabalhar para segurar o placar. Rafael Sóbis teve a melhor oportunidade, mas Léo Santos travou na hora da finalização, o atacante ficou reclamando de pênalti.

Apesar do melhor momento cruzeirense, foi o Corinthians que voltou a balançar as redes. Em uma falta lateral, Jadson cruzou e Pedro Henrique de pé direito escorou para o fundo do gol. Novamente, os jogadores do Cruzeiro ficaram pedindo impedimento.

Independente do caráter amistoso da partida, os mais de onze mil torcedores presentes do Mineirão viram um bom jogo. As equipes voltam a se enfrentar na quarta que vem, dia 11, na Arena Corinthians, às 20h. Antes disso, o Corinthians enfrenta o Grêmio em Itaquera, no domingo (08), às 11h.

 

 

 

 

VAVEL Logo

Sport Club Corinthians Paulista Notícias

há 2 dias
há 2 dias
há 3 dias
há 4 dias
há 3 dias
há 8 dias
há 16 dias
há 16 dias
há 17 dias
há 16 dias
há 22 dias