Desfalcado, Avaí enfrenta Sampaio Corrêa buscando volta ao G-4 e quebra de sequência ruim
Foto: Divulgação/Sampaio Corrêa

Em jogo importantíssimo na sua luta pelo acesso, o Avaí busca estancar a sequência de duas derrotas seguidas e voltar ao G-4 da Série B. Para isso, precisa vencer o vice-lanterna Sampaio Corrêa, que vem de vitória sobre o líder Fortaleza e empate com a Ponte, fora de casa. A partida acontece neste sábado (21), às 21h, no Estádio da Ressacada, em Florianópolis.

No primeiro turno, as equipes empataram em 1 a 1, no Castelão, em São Luís. Alemão, de pênalti, abriu o placar para o Avaí, e Rodrigo Fumaça marcou para decretar a igualdade. No histórico, foram oito confrontos, com cinco vitórias avaianas, uma do Sampaio e dois empates.

+ Confira as ofertas do nosso parceiro Futfanatics

Geninho quebra a cabeça para montar time

O Avaí esteve perto de conseguir um grande resultado no último sábado (15), na visita ao rival Criciúma. Após sair perdendo por 2 a 0, buscou o empate e teve chances para virar, mas acabou tomando o castigo e perdendo por 3 a 2. Foi a segunda derrota seguida do Leão na Série B, a terceira nos últimos quatro jogos. Com 42 pontos, o time ocupa o sexto lugar, e, com os tropeços de Atlético-GO e Vila Nova na rodada, voltará ao G-4 se vencer neste sábado (22).

Para buscar a importante vitória, o técnico Geninho vai ter que lidar com problemas. O zagueiro Betão está suspenso, o artilheiro do time no ano, Rômulo, foi negociado com o futebol árabe, o centro-avante Rodrigão está se recuperando de lesão, e os goleiros Aranha (titular) e Rubinho (reserva) estão machucados. Por outro lado, o meia e camisa 10, Marquinhos, e o atacante Jones Carioca estão disponível. O treinador ainda não confirmou o time que entra em campo.

"Quando o Marquinhos joga precisamos proteger por causa da marcação. Não é um jogador de marca muito. Tem qualidade técnica acima do normal, com a bola no pé ajuda muito, com passe e bola parada. Com ele precisa de cuidado para não perder o meio de campo para o adversário, ainda mais em um jogo que será contra um time rápido como o Sampaio Corrêa", explicou.

Marquinhos é possível titular no time de Geninho (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)
Marquinhos é possível titular no time de Geninho (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

A tendência é que Geninho volte a usar um esquema com linha de quatro na defesa, mas com quatro jogadores no meio e dois atacantes, teoricamente. O treinador se preocupa em não abrir o time de forma desesperada para não ceder espaço a um time que considera franco-atirador.

"O Sampaio não tem nada a perder, tanto faz quanto fez. Não vem para empatar, diferente de outras equipes que aqui vieram. Ganhar ou perder não faz diferença. Time que vem de vitória sobre o líder, com três atacantes rápidos, sem homem de referência, joga com meia de movimentação, um volante que marca e outro que sai. Se não povoar o meio, com marcação boa, corro o risco de perder o jogo em casa", alertou.

Sampaio quer pontuar para manter sequência invicta

A vitória por 1 a 0 sobre o líder Fortaleza foi importantíssima na vida do Sampaio Corrêa. Com 25 pontos, o atual campeão do Nordeste deixou a lanterna para trás e agora está a seis pontos de sair da zona de rebaixamento. Caso não perca em Florianópolis, o time vai ficar três jogos sem perder pela primeira vez nesta Série B.

O goleiro Busatto, que vai voltar ao time por conta da suspensão de Andrey, destacou a importância de buscar pontos em uma partida que tende a ser complicada.

"A intenção é manter essa sequência de dois jogos que estamos tendo. A gente vai lá para buscar os três pontos, pois a gente precisa. Mas, a gente vem conversando, se a gente for lá e empatar não é ruim para gente. Se fizemos nossa parte nos jogos em casa, os pontinhos que a gente buscar fora é bom para gente", ressaltou.

O técnico Marcinho Guerreiro fará algumas alterações em relação ao time da última rodada. Andrey e Uilliam Barros, suspensos, dão lugar a Busatto e Alvinho. Além deles, Maracás, Adilson Goiano e Odair, que não jogaram contra o Fortaleza por conta de suspensão, entram nas vagas de Joécio, William Oliveira e Silva, respectivamente.

"Temos a volta do Odair, Maracás e Goiano que estavam jogando contra a Ponte Preta e são peças fundamentais. São atletas que nos darão tranquilidade. A gente já deixa o time preparado para buscar um grande resultado fora de casa", ressaltou o comandante.

Marcinho tem retornos e desfalques na viagem à Floripa (Foto: Lucas Almeida/Sampaio Corrêa)
Marcinho tem retornos e desfalques na viagem à Floripa (Foto: Lucas Almeida/Sampaio Corrêa)
VAVEL Logo