Júlio César crê na permanência do Flu: ''Nenhum jogador e nenhum clube deseja ser rebaixado''
FOTO: LUCAS MERÇOM / FLUMINENSE F.C.

Júlio César crê na permanência do Flu: ''Nenhum jogador e nenhum clube deseja ser rebaixado''

Goleiro Julio César concedeu entrevista nesta sexta-feira (30), no CTPA 

joaolopes
Joao Lopes

Após eliminação na Sul-americana, Fluminense tem pela frente o jogo mais importante do ano. Enfrenta o América-MG no Maracanã, às 17h, dependendo de um empate para permanecer na Série A. O Goleiro Júlio César cita jogo difícil, mas acredita na vitória. 

“Acredito muito que vamos vencer, mesmo sabendo que não vai ser fácil, mas está todo mundo muito focado. Precisamos que todos defendam, todos ataquem, para que a gente termine o ano de forma honrosa”. 

O tricolor tem apenas 5% de risco de rebaixamento. Caso seja derrotado pelo América, terá de torcer para a Chapecoense não vencer o São Paulo ou então o Vasco perder para o Ceará. 

“Nenhum jogador e nenhum clube deseja ser rebaixado. É óbvio que cada um de nós trabalha para evitar isso. Além do jogador, o clube fica manchado. É uma mancha no currículo do profissional. Vamos trabalhar para a última batalha para alcançar o objetivo e deixar o fantasma para trás.”

O Fluminense anunciou na última quinta-feira (29), a demissão do técnico Marcelo Oliveira. O goleiro falou sobre o ex treinador. 

“Tenho que valorizar o trabalho do professor Marcelo Oliveira, um excelente profissional, assim como seus auxiliares Tico e Edu. Profissional honrado, de caráter, que merece nosso respeito.”

Fábio Moreno, atual técnico interino do Fluminense, comandará a equipe contra o América no próximo domingo (02). Júlio César falou do desafio de comandar a equipe. 

“O Fábio vai colocar as ideias dele na parte tática, mas em questão de treinamento não há muito o que fazer. É na base da conversa, na motivação e colocar as ideias dele. Vamos dar o máximo de força para ele para conseguirmos completar essa meta.”

O Fluminense enfrenta o América-MG no próximo domingo (2), às 17 horas, no Maracanã. 

VAVEL Logo