Givanildo lamenta queda e não garante se fica no América-MG em 2019
Créditos: Flickr/América-MG

Givanildo lamenta queda e não garante se fica no América-MG em 2019

Treinador americano ainda comentou a polêmica ocorrida na cobrança do penalty, dizendo que o erro foi "coletivo"

gabriel_oandrea
Gabriel Andrea

Foi um final de campeonato bastante melancólico e desesperador para o América-MG, fechado com um final bem triste para seus torcedores. A derrota para o Fluminense por 1 a 0 em pleno Maracanã culminou no rebaixamento da equipe mineira, que se estacionou na 18ª colocação, com apenas 40 pontos ganhos.

A partida contou com uma polêmica em especial: na metade do primeiro tempo, o Coelho teve a chance de abrir o placar contra o Fluminense após a marcação de um penalty. A grande contradição aconteceu quando Luan foi para a bola e não Rafael Moura, cobrador oficial do time americano. O resultado foi o erro da penalidade máxima por Luan.

Givanildo Oliveira, técnico americano, disse em coletiva pós jogo que o que foi passado para a comissão técnica é que Rafael Moura é o cobrador de pênaltis oficial, mas hoje Rafael Moura pediu para que Luan cobrasse. Muito desapontado, o jogador preferiu não se posicionar após a partida.

O treinador americano acabou concluindo que o erro ocorrido na cobrança do penalty foi, acima de tudo, coletivo. "O erro foi de todos, não é justo cobrar apenas de uma pessoa".

Refletindo sobre o ano de 2018 e os feitos do América-MG, Givanildo Oliveira disse:

“Erramos muito da metade para frente em coisas bem banais. Depois simplesmente tudo desandou. Mas nosso grupo e essa torcida não mereciam isso”.

Abordado sobre sua continuidade no comando do Coelho no próximo ano, Givanildo disse que quer permanecer no América em 2019, mas não foi procurado pela diretoria ainda já que o foco era esse último jogo. Ainda é uma incógnita a permanência do atual treinador americano no comando do time para a próxima temporada.

VAVEL Logo

América-MG Notícias

há 4 dias
há 17 dias
há 23 dias
há 24 dias
há um mês
há um mês
há um mês
há um mês
há um mês
há 2 meses