São Paulo domina Majestoso e leva a melhor sobre Corinthians no Morumbi
Foto: Rubens Chiri/São Paulo FC

São Paulo e Corinthians jogaram, na manhã deste domingo, no Estádio do Morumbi pela sexta rodada do Brasileirão 2020 e quem levou a melhor foi o Tricolor, com um gol nos acréscimos de Brenner, para colocar o time na frente do placar e sacramentar a vitória no Majestoso.

Nos primeiros 25 minutos de jogo, com um sol muito forte na capital paulista, os mandantes foram bem superiores, ficando com a posse da bola na maior parte do tempo e sendo mais perigoso, dando destaque para a marcação pressão que os comandados de Diniz faziam, impedindo que o Corinthians chegasse ao gol de Volpi.

O São Paulo estava armado no 4-3-3, com os três atacantes quase sempre dentro da área, dando mais liberdade para os laterais e meias circularem pela intermediaria ofensiva, assim Gabriel Sara tinha a função de servir os homens de frente, com Hernanes e Tchê Tchê ajudando os zagueiros na saída de bola. Liziero, que atuou na lateral esquerda assim como fazia na base, foi muito bem na função e conseguiu anular Fagner na maioria das jogadas, obrigando o rival a jogar pelo lado esquerdo do campo.

Já o Corinthians começou o jogo no 4-2-3-1, porem demorou para encaixar o esquema, pois os pontas não conseguiam ser acionados, principalmente Leo Natel, que teve partida pagada, dificultando a chegada da bola em Jô. Diversas vezes, os defensores tentavam sair jogando com calma e no toque de bola, entretanto a pressão são paulina inibia esse estilo de jogo e os zagueiros eram obrigados a dar chutões na direção de Jô. Cantillo era o dono do meio campo alvinegro, porem poucas vezes tinha alguém ao seu lado nado opção livre de passe.

Com toda a intensidade imposta pelo São Paulo, logo aos 14 minutos, Hernanes cobrou falta forte no meio do gol e Cássio aceitou ao tentar adivinhar o canto, não conseguindo se recuperar a tempo de fazer a defesa. Nos minutos seguintes, o tricolor paulista seguiria melhor, até a parada técnica, quando Tiago conseguiu corrigir alguns erros do time e só então o Timão começou a chegar no ataque com mais perigo, até que Cantillo usou da sua especialidade e acertou um lindo lançamento para Ramiro, que só teve o trabalho de chutar para o gol e contar com ajuda de Volpi.

Na etapa final, o jogo ficou sem emoções, com os dois times sentindo claramente o calor que fazia no campo e o jogo ficou amarrado no meio, dando poucas oportunidades para os atacantes. As mudanças de Diniz no time foram bem mais efetivas do que as que Tiago Nunes fez, conseguindo alterar o estilo de jogo, principalmente após as entradas de Toró e Brenner, que ocuparam as vagas dos apagados Paulinho Boia e Luciano.

Assim, a dupla de jovens revelados em Cotia, resolveu o jogo para o São Paulo, após Toró cruzar na cabeça de Brenner, que cabeceou livre  para garantir a vitória tricolor. Pelo terceiro jogo seguido, o Corinthians toma um gol pelo lado de Sidcley, que vem mostrando diversas falhas defensivas desde a sua volta ao Parque São Jorge.

O próximo compromisso do São Paulo, que assumiu momentaneamente a vice-liderança do Brasileirão, será contra o Atlético-MG, na quinta-feira (3) às 20h, no Mineirão. O Corinthians, que luta para se afastar do Z-4, viaja a Goiânia para compromisso diante do Goiás, na quarta-feira (2), às 19h15.

VAVEL Logo