Confronto direto pelo G-4: Santos e Palmeiras fazem clássico paulista no Brasileirão
Foto: Divulgação/Palmeiras

Em jogo válido pela 24ª rodada do Brasileirão, o Santos recebe neste sábado (5) o Palmeiras, no clássico paulista na Vila Belmiro, às 17h.

Ambos os times somam 37 pontos na tabela de classificação, mas o Palmeiras está na quinta posição, por ter uma derrota a menos e 10 gols de saldo, contra as seis derrotas do Santos, com sete gols de saldo. Lembrando que o Palmeiras tem 22 jogos e o Santos 23.

Busca pelo G-4: edição alvinegra

Com a briga pelo G-4 muito acirrada, uma vitória no clássico dá moral, além de fazer grudas nos líderes. E assim o Santos chega pós uma derrota e classificação na Libertadores.

Contra a LDU, vencendo o primeiro jogo por 2 a 1, o Santos foi derrotado por 1 a 0 com gol de Corozo, mas por conta da regra do gol qualificado o peixe se classificou.

Com Covid-19, Cuca não comandou o Peixe no meio da semana, e Cuquinha, auxiliar dele, elogio a equipe: “Até o gol era jogo controlado, com pouco risco. Primeiro tempo foi primoroso, parabenizei eles pelo primeiro tempo. E depois de um gol é difícil, dá medo, qualquer bola gera perigo. A classificação foi conquistada no primeiro jogo e no primeiro tempo de hoje”. 

Com Cuca de volta ao time, os desfalques serão apenas de Vladimir, Sánchez e Raniel, lesionados, e Jobson, suspenso.

Com isso o provável time do Peixe é: John, Pará, Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison, Pituca e Soteldo; Marinho, Lucas Braga e Kaio Jorge.

Busca pelo G-4: edição alviverde

Assim como o Peixe o Palmeiras busca grudar nos líderes e se mostrar cada vez mais na briga pelo Brasileirão. E o Verdão chega para o clássico após golear na Libertadores.

Contra o Delfín – que o torcedor do Santos lembra bem – o alviverde goleou por 5 a 0. Patrick de Paula, Gabriel Veron (2), Willian e Danilo foram os que marcaram os gols da partida que classificou o alviverde para as quartas de final da competição.

Após a partida, Abel exaltou o coletivo, dizendo que é o principal para vencer: “É o trabalho coletivo desde a direção, as pessoas do CT, os jogadores que são fundamentais no quebra-cabeça, minha comissão. Trabalho coletivo de muita gente. "Nós" ganhamos e "nós" perdemos. Cada um contribui com o melhor”.

E mais uma vez o Palmeiras soma desfalques para a partida. Por lesão estão fora Patrick de Paula, Felipe Melo, Luiz Adriano, Luan Silva e Wesley. Por suspensão Gabriel Menino e Danilo. E por Covid-19 Marcos Rocha, Renan e Abel Ferreira.

Com isso, Vitor Castanheira, auxiliar de Abel, comandará o Palmeiras que deve ser: Weverton, Mayke, Emerson Santos Alan Empereur (Kuscevic) e Viña; Luan, Zé Rafael e Raphael Veiga; Lucas Lima, Gabriel Veron e Willian.

Arbitragem e transmissão

Flávio Rodrigues de Souza apitará a partida, com auxílio de Marcelo Carvalho Van Gasse e Neuza Ines Back. O VAR será de José Claudio Rocha Filho.

A partida será transmitida pela TNT (menos para SP), pelo canal de pay-per view Premiere FC e em tempo real aqui mesmo na VAVEL Brasil!

VAVEL Logo